Difference: CleisonSantos2009 (1 vs. 2)

Revision 231 Oct 2010 - Main.JoaquimLago

Line: 1 to 1
 
META TOPICPARENT name="MonoGeologia"
Análise Estratigráfica das Formações Guiné-Tombador, Chapada Diamantina, Bahia - Cleison das Mercês Santos (2009.2)
Line: 10 to 10
 

Palavras-chaves: Formações Guiné-Tombador; Seções Estratigráficas; Superfícies Estratigráficas; Tratos de Sistemas.
Added:
>
>
META TOPICMOVED by="JoaquimLago" date="1288552932" from="IGeo.CleisonSantos2010" to="IGeo.CleisonSantos2009"

Revision 130 Oct 2010 - Main.JoaquimLago

Line: 1 to 1
Added:
>
>
META TOPICPARENT name="MonoGeologia"
Análise Estratigráfica das Formações Guiné-Tombador, Chapada Diamantina, Bahia - Cleison das Mercês Santos (2009.2)

Banca: Geólogo Antônio Jorge Magalhães - Petrobras - Orientador, Prof. Dr. Michael Holz - IGEO/UFBA, Geólogo Paulo da Silva Milhomem - Petrobras

Resumo: A área de estudo está situada no domínio fisiográfico da Chapada Diamantina, parte central do Estado da Bahia da Província São Francisco. Devido a diferenças estruturais, conforme Jardim de Sá et al.(1976) a Chapada Diamantina pode ser dividida nos domínios Ocidental e Oriental . A área de trabalho está restrita ao domínio oriental em metassedimentos pertencente ao Supergrupo Espinhaço, e compreende os grupos Paraguaçu e Chapada Diamantina. O presente trabalho tem como objetivo realizar a análise estratigráfica de seções geológicas, em rochas mesoproterozóicas das Formações Guiné-Tombador, com base nos conceitos da Estratigrafia de Seqüências. A passagem da Formação Guiné para Formação Tombador é marcada por uma superfície de discordância subaérea. A parte superior da Formação Guiné é representada por depósitos deltaicos. Acima da discordância subaérea, a Formação Tombador apresenta depósitos eólicos que são cobertos por depósitos estuarinos transgressivos. A Formação Guiné está inserida no grupo Paraguaçu e representa a fase pós-rifte da Bacia do Espinhaço Oriental. A Formação Tombador, presente no grupo Chapada Diamantina representa a fase sinéclise da Bacia do Espinhaço Oriental. Foram levantados perfis de empilhamento verticais gerando três seções estratigráficas (Trilha da Cachoeira da Fumaça, Morrão, Trilha do Beco). Esse levantamento propiciou a interpretação de superfícies estratigráficas, tratos de sistemas e hierarquização das superfícies, em escala de afloramentos.

Palavras-chaves: Formações Guiné-Tombador; Seções Estratigráficas; Superfícies Estratigráficas; Tratos de Sistemas.
 
This site is powered by the TWiki collaboration platformCopyright &© by the contributing authors. All material on this collaboration platform is the property of the contributing authors.
Ideas, requests, problems regarding TWiki? Send feedback