Difference: PLANOSDEA플O (1 vs. 19)

Revision 1907 Dec 2006 - CecilioSantos

Line: 1 to 1
 
META TOPICPARENT name="GRUPO3"

PLANOS DE A플O

Line: 9 to 9
  ORIENTA플O => Antnio Ceclio

Changed:
<
<
TEMA = Ambientes Colaborativos
>
>
TEMA = Ambientes Colaborativos
  FINALIDADE

Revision 1823 Nov 2006 - CecilioSantos

Line: 1 to 1
 
META TOPICPARENT name="GRUPO3"

PLANOS DE A플O

Line: 28 to 28
  cria豫o do login e da senha, individualmente;
Changed:
<
<
cria豫o de lista de discusso;
>
>
cria豫o de lista de discusso; ceciliodebate@yahoogrupos.com.br
  Publica豫o de sua interpreta豫o na lista de discusso;

debate na sala de aula sobre os comentrios de cada colega,

Changed:
<
<
Produzir um blog cooperativo; analisar relatrios dos alunos.?
>
>
Produzir um blog cooperativo; http://historiaodete.zip.net/

analisar relatrios dos alunos.?

  RECURSOS HUMANOS

Line: 45 to 47
  Elaborar instrumentos para registrar observa寤es sobre os alunos, criando fichas para o mapeamento do desenvolvimento e atitudes que incluem questes, como: faz perguntas? Usa estratgias criativas ou apenas as convencionais? justifica caminhos percorridos? Comunica suas respostas com clareza? Contesta pontos que no compreendeu? Participa dos trabalhos em grupo? Ajuda os outros na resolu豫o de problemas?

Deleted:
<
<



Escola Municipal Duque de Caxias

Professora - Endia Alves de Arajo

Turno/turma - grupo 9- turma C matutino

Tema - Visita ao tabuleiro digital: exploraa豫o livre

Local - Ponto de Cultura Ciberparque Ansio Teixeira

Data - organiza豫o: 15 -22/04/06

Visita - 22/04/06

Justificativa:

Tecnologia na educa豫o um novo campo do conhecimento do/no qual a escola deve est inserida. Com este projeto quero apresentar aos alunos possibilidades de incluso digital de forma significativa.

Objetivos -

Conhecer a mquina, seus acessrios;

interagir com o computador atravs do mouse, do teclado;

estabelecer a rela豫o entre o mouse e link;

explorar livremente os recursos tecnolgicos (sites, jogos, aplicativos, desenhos, pinturas)

solicitar o espao do tabuleiro digital.

conscientizar acerca da segurana no translado

Estratgias:

agendamento do tabuleiro digital para visita dos alunos em 22/04;

conversas com os alunos para tratar da organiza豫o para o deslocamento at o tabulero digital;

acesso livre s mquinas com apoio dos agentes de cultura

discusso coletiva a respeito da a豫o

AVALIA플O

Nesta atividade estarei considerando a organiza豫o, participa豫o, o envolvimento, as percap寤es, os sentimentos e os conhecimentos diante das discusso coletiva logo aps a visita..


Escola Duque de Caxias

Professora: Julina Maciel

Plano de A豫o Informtica

Justificativa:

* Sabemos que em uma sociedade democrtica o uso da tecnologia na educa豫o constitui um instrumento que deve estar ao alcance de todo cidado () para a constitui豫o de comunidades virtuais de aprendizagens, estimulando o gosto e o prazer pelas linguagens virtuais.

Objetivo Geral:

* Estabelecer rela寤es entre a complexidade da sociedade comtempornea utilizando o computador como meio interdisciplinar na educa豫o e as tecnologias da informa豫o aprendizagem e comunica豫o.

Obejetivo Especifico:

* Estimular a leitura e a produ豫o textual e interagir as crianas no mundo virtual. * Levar o aluno a desenvolver ou compreender os mecanismos das comunidade virtual .

Atividades:

* Visita aos Tabuleiros Digitais, e usufruir das mquinas e ampliando os conhecimentos .

* Relato sobre a visita nos tabuleiros Digitais

* Cria豫o de e-mail individual e coletivo.

Avalia豫o:

* Relato das experincias.

OEscola Municipal Professor Paulo Freire

Data- 10-05.06.

Grupos= 10 e 06

Turno- Matutino

Professoras- Elizete Moitinho Dourado Valois Rios e Maureny Barbosa

Plano de aula

Objetivo:

Oportuniazar o contato com o computador permitindo a explora豫o e o manuseio do mesmo.

Justificativa:

Nos dias atuais, a tecnologia se apresenta como grande responsvel pelo desenvolvimentoda produ豫o de conhecimento, nesse sentido, faz-se necessrio oferecer as crianas oportunidade de explorar o computador desenvolvendo suas potencialidades. Resolvemos por isso, utilizar o espao do Tabuleiro Digital para oferecer aos alunos um momento de explora豫o com o computador, para que os mesmos possam conhecer e amanusear a mquina de acordo com sua curiosidade.

Desenvolvimento:

Planejar juntamente com os alunos a visita ao Tabuleiro Digital, elaborando algumas regras, bem como possveis a寤es;

Aula prtica com os alunos no Tabuleiro Digital, contando com o apoio dos agentes de cultura;

Avalia豫o da visita ao TD, juntamente com os alunos na sala de aula.

Avalia豫o:

-Deabate em sala de aula com os alunos, avaliando a visita ao Tabuleiro Digital, bem como pontos positivos e negativos.

-Observa豫o no Tabuleiro Digital do desenvolvimento dos alunos e da intera豫o dos mesmos.

Escola Floriano Dourado

Cursista: - Maria da Penha

PROJETO: CONHECENDO O MUNDO VIRTUAL

JUSTIFICATIVA: Vivendo num mundo digital e morando em um Povoado, convivendo com alunos de classes multisseriadas, sinto a necessidade de inclui - los nesse mundo desconhecido, mas possvel.

OBJETIVO GERAL: Possibilitar as crianas conhecerem e viverem no mundo digital, dando - lhes oportunidade de manusear essa maquina desconhecida e fascinante.

OBJETIVOS ESPECIFICOS:

- Entrar em contato com o computador.

- Manusear a mquina.

- Ter oportunidade de entrar no mundo digital atravs dos seus recursos.

- Conscientizar-se que o mundo digital tambm uma forma de comunica豫o.

- Entrar em contato com outras pessoas por meio de e-mail.

CONTEUDOS:

- Manuseio da mquina: conhecimento do teclado.

- Abertura de e-mail.

- Conversa豫o com outras pessoas.

SEQUENCIA DIDATICA:

- Apresenta豫o do projeto.

- Conhecer na teoria e prtica um computador.

- Visitar o espao tecnolgico: tabuleiro digital em Irec.

- Abrir e-mail.

- Abrir blog.

AVALIA플O: observa豫o da atividade dos alunos e corre豫o de algumas falhas maria da penha

Escola Municipal Professor Paulo Freire

Data 08/05/06

grupos 06 e 10

Turno Matutino

Professoras- Maureny Barbosa Da Costa e Elizete M. D. Valois Rios

Plano de aula

Objetivo:

-Oportunizar o contato com o computador permitindo a explora豫o e o manuseio do mesmo.

-Justificativa:

Nos dias atuais a tecnologia apresenta com grande responsvel pelo desenvolvinento da produ豫o de conhecimento, nesse sentido, faz-se necessrio oferecer as crianas a oportuniadade de explorar o computador desenvolvendo suas pontencialidades. Resolvemos por isso, utilizar o espao do Tabuleiro Digital para oferecer aos alunos um momento de explora豫o com o computador para que os mesmos possam conhecer e manusear a mquina de acordo com sua curiosidade.

Desenvolvimento:

-Planejar juntamente com os alunos a visita ao Tabuleiro Digital, elaborando algumas regras, bem como possveis a寤es;

-Aula prtica com os alunos no Tabuleiro Digital, contando com o apoio dos agentes de cultura.

-Avalia豫o da visita ao Tabuleiro Digital, juntamente com os alunos na sala de aula;

Avalia豫o:

-Debate em sala de aula com os alunos, avaliando a visita ao Tabuleiro Digital, bem como pontos positivos e negativos.

-Observa豫o no Tabuleiro Digital do desenvolvimento dos alunos e da intera豫o dos mesmos.

UNIVERSIDADE FEDERAL DA BAHIA

CURSO LICENCIATURA EM PEDAGOGIA IREC 뺹A

ATIVIDADE 516 TECNOLOGIA

PROFESSORA: BONILLA

CICLO: V-2006

DISCENTE: GEOVAN SILVA QUEIROZ

ORIENTADORA: IVANETE PEREIRA

PROJETO DE APRENDIZAGEM

밒NCLUS홒 DIGITAL

Introdu豫o:

Com as transforma寤es ocorridas no final do sculo XX, especialmente as decorrentes da conexo do sistema de telecomunica寤es com a informtica, demarcam-se significativa mudanas na rela豫o entre tecnologia e sociedade. Neste contexto, verifica-se uma expanso exponencial das formas de comunica豫o, principalmente via computadores em redes. Essa expanso ocorre sem delimenta豫o de fronteiras, por diversos espaos, o que propicia troca de informa寤es e a emergncia de diferentes rela寤es sociais, que interligam realidades reais/virtuais. Isso altera significativamente o meio e favorece o surgimento de rela寤es antes no estabelecidas, que iro tecer uma complexa rede de possibilidades.

Objetivo

Criar condi寤es e ambientes favorveis onde os alunos possam conhecer a cultura do ciberespao e perceba que a internet ocupa um papel extremamente relevante como fonte de pesquisa, para os alunos de todo o mundo, suprindo particularmente as deficincias daqueles que no possuem uma boa estrutura de bibliotecas e outros acervos de pesquisas; mas tambm, que cada um perceba que ele dever ser um profissional capaz de aprender sempre; um ser consciente e crtico, que dialogue com as diferentes culturas e os diversos saberes; que saibam trabalhar de forma cooperativa, que seja flexvel, empreendedor e criativo para administrar sua carreira e sua vida pessoal, social e poltica.

Justificativa

Na escola das prximas dcadas, seremos responsveis por formar alunos que possam otimizar os prprios processos de constru豫o do conhecimento. Segundo uma pesquisa de Peter Drucker (1995), um trabalhador que utiliza as tecnologias da era da informa豫o tem uma produtividade 45 vezes maior do que a de outro de 120 anos atrs. Ento, antes buscavam-se o padro de eficincia produzir mais em menos tempo; hoje busca-se a eficcia produzir aquilo que necessrio, nas quantidades ideais.

Portanto, esse projeto vem desenvolver processos abrangentes, seguindo critrios como: consistncia, previsibilidade, motiva豫o, envolvimento, performance, capacidade de articular conhecimento, de comunicar-se e estabelecer rela寤es. Isso ajudar a preparar o cidado da era do ciberespao (o nosso aluno).

Objetivos especficos

* Promover situa寤es favorveis que possibilitem o envolvimento da sociedade escolar (as turmas) no eventos previstos;

* Propiciar situa寤es para a comunidade participe das atividades/propostas;

* Estabelecer entre o contexto social, a educa豫o e as tecnologias da informa豫o e comunica豫o:

* Apropriar-se das ferramentas de comunica豫o, produ豫o e socializa豫o disponveis;

* Fortalecer o processo de ensino-aprendizagem voltados para busca, anlise e tratamento de informa寤es, integra豫o em comunidades virtuais de aprendizagem e produ豫o multimiditica;

* Conhecer as mquinas de ontem/hoje.

Situa寤es favorveis

* Cria豫o de e-mail (Tabuleiro Digital):

* Troca de e-mail em rede;

* Visita ao jornal Correio do Serto;

* Visita ao Jornal Cultura e Realidade;

* Chat;

* Cria豫o de e-mail: - 03/04 ser a turma 뺹 do primeiro segmento;

- 04/04 ser a turma D do primeiro segmento;

- 05/04 ser a turma C do primeiro segmento;

- 10/04 ser a turma A do segundo segmento

*Troca de e-mail em rede:

- 22/05 turma B primeiro segmento

- 23/05 turma D primeiro segmento

- 24/05 turma C primeiro segmento

- 28/05 turma 뺸 segundo segmento

*Visita ao jornal Correio do Serto

- 27/05 Sairemos s 8:00 h e retornaremos s 12:00 h para o Tareco. Onde na oportunidade haver uma confraterniza豫o; Professores, alunos, pais, dire豫o, coordena豫o e corpo docente da escola.

*Visita ao Jornal Cultura e Realidade

03/06 s 14.00 h Conhecer as mquinas de hoje;

*Chat - 12/06 Com a participa豫o da professora da Universidade Federal da Bahia Bonilla;

Etapas previstas

* Apresenta豫o do projeto;

* Planejamento e produ豫o das atividades;

* Sele豫o das atividades e materiais;

* Diviso das tarefas;

* Atribui豫o das tarefas;

* Execu豫o dos projetos;

* Avalia豫o

Metodologia

Nas aulas de cincia, estaremos produzindo conhecimento atravs de leituras, discusses, anlise de produ寤es digitais e explora豫o das ferramentas de comunica豫o na rede.

Recursos disponveis

* Computadores

* Rdio Web

* Jornais

* Cmara fotogrfica digital

* Filmadora e fita para a mesma

* Tabuleiro digital

* Ponto de cultura

* Recursos humanos

* Retropojetor

* nibus

Avalia豫o

A avalia豫o se constituir de atividades desenvolvidas ao longo da carga horria das nossas aulas. Sero considerados relevantes os critrios de inser豫o, participa豫o, envolvimento e desenvolvimento de relatrios, bem como a alta-reflexo sobre essas experincias de aprendizagem especfica; a partir dos dispositivos criados nas aulas de cincia.

Referncias bibliogrficas

* Levy, Pierre Cibercultura So Paulo, Ed. 34. 1999, cap. VII

* Primo, Alex Fernando Texeira. A emergncia das comunidades virtuais. Disponvel em: http://usr.psico.ufrgzs.br/~aprimo/pb/comumi.htm

* E-mail gratuito http://www.yahoo.com.br/

* geovanqueiroz@yahoo.com.br

ESCOLA: IRENE GAROFANI IDEALIAZADORAS: POLIANA CARDOSO, JADILZA ALVES, MARIA ANGLICA DOURADO, JEANE SENA, TERESINHA REIS, MAURA DOURADO.

핾EA: LNGUA PORTUGUESA

DURA플O: 2 MESES

FREQ珤NCIA: 3 DIAS SEMANAIS

DIRE플O: MAURA DE CASTRO

COORDENA플O: JUREMA M. MARQUES DE ANDRADE

Projeto de aprendizagem CANTIGAS DE RODA NUMA PERSPECTIVA TECNOLGICA

Objetivo geral

Fortalecer os valores culturais, fazendo uma rela豫o harmoniosa e possvel entre a musicalidade contida nas cantigas de roda e o uso dos recursos tecnolgicos.

Justificativa

A msica sempre esteve presente nas tradi寤es culturais de cada poca. Atualmente os recursos tecnolgicos tm evoludo e se transformado de maneira muito rpida, e, vem tambm modificando as referncias musicais atravs de diferentes meios. Criar condi寤es para a inser豫o dos alunos neste Objetivos especficos mundo e abrir-lhes portas, ampliando suas perspectivas. Diante disso, elegemos as cantigas de roda como possibilidade de experimenta豫o dos recursos tecnolgicos na aprecia豫o, compara豫o e modifica豫o de arranjos e melodias, utilizando as mltiplas referncias musicais, culminando com a produ豫o de um vdeo clip, contendo algumas cantigas de roda que expressem os mais diversos sons e estilos musicais, retratando diferentes pocas e contextos musicais.

Objetivos Especficos

* Despertar o gosto pelas cantigas de roda; * Participar de diferentes situa寤es de comunica豫o oral; * Vivenciar a linguagem musical por meio de recursos tecnolgicos, vdeo, dvd, cd, etc.; * Ampliar o repertrio oral e escrito da criana; * Socializar as cantigas de roda conhecidas, utilizando o aparelho de som para divulga豫o; * Apreciar a linguagem potica e musical das cantigas de roda, por meio do canto e da dana, tendo como recurso o aparelho de som, dvd, vdeo, etc.; * Interessar-se por escrever cantigas de roda ainda que de forma no convencional, utilizando o computador e tendo ajuda de um companheiro experiente (colega professora); * Vivenciar situa寤es em que a tecnologia esteja presente, seja para ouvir as cantigas ou para gravar as cantigas de roda conhecidas pelo grupo; * Promover intera豫o entre os alunos; * Presenciar atos de leitura e escrita da criana; * Desenvolver o esprito cooperativo durante o desenvolvimento das atividades; * Conhecer diferentes recursos tecnolgicos e os diferentes espaos de uso; * Compreender os avanos tecnolgicos na perspectiva de preserva豫o de valores culturais (cantigas de roda); * Conhecer cantigas de roda de roda de diferentes pocas e regies; * Comparar cantigas de roda com outras referncias musicais; * Apreciar as cantigas de roda, utilizando a linguagem do desenho e da pintura; * Observar as cantigas de roda em seus aspectos quantitativos e qualitativos, utilizando a linguagem matemtica (grficos com as preferncias musicais, tabelas com as quantidades de cantigas aprendidas, utilizar as cantigas para contagem de palavras, trabalhar cantigas que envolvam nmeros, etc.); * Aprecia豫o e reprodu豫o de imagem; * Produzir diferentes ritmos musicais, utilizando as cantigas de roda.

Etapas previstas

* Apresenta豫o do projeto * Contato freqente e sistemtico nas cantigas de roda; * Uso da tecnologia; * Planejamento das a寤es; * Produ豫o de um vdeo clipe/cd; * Conhecer o Ponto de Cultura; * Avalia豫o; Situa寤es comunicativas * Autores: alunos e professores * Interlocutores: comunidade escolar, pais, alunos e professores da UFBA Situa寤es favorveis * Coletneas * Musical (clipe)

Orienta寤es didticas

* Iremos conhecer o tabuleiro digital. Nele podemos usufruir o uso de computadores. Algum j viu um computador antes? Sabem como us-lo? Pois agora iremos manusear o computador e ver como ele funciona. * Sei que a maioria das crianas gosta e conhece algumas cantigas de roda. Gostariam de saber quais so as mais conhecidas e as preferidas de vocs? Quem gosta de brincar de roda? Como voc teve acesso a estas cantigas? Foi atravs de grava寤es em fitas, cds? Ou no? Vocs j pensaram em produzir um vdeo dessas brincadeiras? Vocs imaginam como funciona? Gostariam de saber?; * Mame e papai estamos trabalhando com o projeto 밅antigas de roda numa perspectiva tecnolgica. Ajude seu (a) filho (a) a ampliar o repertrio pesquisando junto com ele (a) uma bela cantiga de roda e a escrever no espao abaixo; * Pesquise com a ajuda de um adulto, figuras de aparelhos como rdio, computador, televiso, vdeo-game, mquina fotogrfica, etc., os quais demandam o uso da tecnologia, socializando-as depois no momento da leitura; * Trouxe um CD s de cantigas de roda. Vamos ouvir? E depois escolhermos algumas para brincarmos no ptio? * Cantigas de roda, msica pura, de linguagem ingnua e de fcil memoriza豫o, que penetra em nossa mente e no sai nunca mais. Portanto, aprecie e capriche na ilustra豫o das cantigas; * O livro 밃legria, Alegria, traz as mais belas can寤es da nossa infncia, e com ele acompanha o cd. Vamos ouvir e cantar, apreciando as melodias e ritmos diferentes de cada cantiga.

Avalia豫o

Acreditamos na avalia豫o como reflexo da prtica pedaggica para a tomada de decises, durante todo o processo educacional e, no apenas no momento final do projeto. um processo contnuo realizado em cada uma das atividades escolares.

Referncias Bibliogrficas

BRASIL, Ministrio da Educa豫o, Secretaria de Educa豫o Fundamental. Referencial Curricular Nacional para a Educa豫o Infantil / vol. 3. Braslia: MEC/SEF. 2001.

BRASIL, Ministrio da Educa豫o, Secretaria de Educa豫o Fundamental. Referencial Curricular Nacional de Matemtica e Arte. Braslia: MEC/SEF. 2001

HORTA, Carlos Felipe de Melo Marques. Alegria Alegria: as mais belas can寤es de nossa infncia. Belo Horizonte: Editora Leitora, 1999.

ESCOLA MUNICIPAL NOSSA SENHORA APARECIDA

DATA 30.05.2006

GUPO: EJA- PRIMEIRO SEGMENTO-

TURNO NOTURNO

EJA EDUCA플O DE JOVENS E ADULTOS - ALFABETIZA플O

PROFESSORA = MARIA DA CONCEI플O SOUZA CANA VERDE

PLANO DE AULA DATA DA VISITA AO TABULEIRO DIGITAL

OBJETIVO GERAL

PROPORCIONAL AOS ALUNOS CONHECEREM O TABULEIRO DIGITAL E MANUSEAR AS M핽UINAS.

JUSTIFICATIVA

PENSANDO NA NECESSIDADE DE OS ALUNOS DA EDUCA플O DE JOVENS E ADULTOS SEREM INCLUDOS NO MUNDO DIGITAL, E COMO ESTOU PARTICIPANDO DO GEAC DE TECNOLOGIA ,SENTIR-ME COM A RESPONSABILIDADE DE INGRESSAR-LOS DIGITALMENTE, POIS ESTAMOS NA ERA TECNOLOGICA POR ISSO N홒 POSSO DEIXA-LOS DE FORA.

OBJETIVOS ESPECFICOS

CONHECER O TABULEIRO DIGITAL INTERAGIR COM A M핽UINA MANUSEANDO PARA DESPERTAR A CURIOSSIDADE PELA A MESMA.

METODOLOGIA:

LEVANTAMENTO DOS CONHECIMENTOS PRVIOS DOS EDUCANDOS, ATRAVS DE QUESTIONAMENTOS. ORGANIZA플O DA IDA AO TABULEIRO DIGITAL JUNTAMENTE COM OS ALUNOS.

AVALIA플O:

RELATOS PESSOAL TEXTO COLETIVO DEPOIMENTOS

REFERNCIA BIOGR핮ICA: BONILLA, Maria Helena - Escola Aprendente. capitulo VII.

RECURSOS;

M핽UINA FOTOGR핮ICA COMPUTADOR QUADRO DE GIZ PAPEL OFCIO L핻IS

Revision 1712 Sep 2006 - CecilioSantos

Line: 1 to 1
 
META TOPICPARENT name="GRUPO3"

PLANOS DE A플O

Line: 11 to 11
  TEMA = Ambientes Colaborativos
Changed:
<
<
OBJETIVO GERAL
>
>
FINALIDADE
 
Changed:
<
<
Introduzir novas abordagens para o esclarecimento interativo na cria豫o de e-mails como os alunos da 1 fase B do colgio Odete Nunes Dourado, Irec-Ba, orientando-os quanto aos objetos de aprendizagens a partir dos temas abordados em sala de aula na matria de Histria, contribuindo assim no desenvolvimento da aprendizagem nas prticas colaborativas para que eles possam se tornar sujeitos interacionistase e instrucionistas, bem como Produzir um blog cooperativo com as produ寤es dos alunos; disponibilizando as produ寤es do grupo em rede para socializa豫o e aprecia豫o dos colegas da faculdade.
>
>
Introduzir novas abordagens para o esclarecimento interativo na cria豫o de e-mails como os alunos da 1 fase B do colgio Odete Nunes Dourado, Irec-Ba, orientando-os quanto aos objetos de aprendizagens a partir dos temas abordados em sala de aula na matria de Histria, contribuindo assim no desenvolvimento da aprendizagem nas prticas colaborativas para que eles possam se tornar sujeitos autnomos diante das mquinas, bem como Produzir um blog cooperativo com/para as produ寤es dos alunos; .
  OBJETIVOS ESPECFICOS
Line: 26 to 26
  exposi豫o dialogada com os alunos participantes acerca da cria豫o de e-mail;
Changed:
<
<
cria豫o do login e da senha individualmente;
>
>
cria豫o do login e da senha, individualmente;
 
Changed:
<
<
Publica豫o de sua interpreta豫o nos e-mails;
>
>
cria豫o de lista de discusso;

Publica豫o de sua interpreta豫o na lista de discusso;

  debate na sala de aula sobre os comentrios de cada colega,
Deleted:
<
<
cria豫o de lista de discusso;
  Produzir um blog cooperativo; analisar relatrios dos alunos.?

Line: 42 to 43
  AVALIA플O
Changed:
<
<
Elaborar instrumentos para registrar observa寤es sobre os alunos, criando fichas para o mapeamento dos desenvolvimento e atitudes que mudam questes como: faz perguntas? Usa estratgias criativas ou apenas as convencionais? justifica caminhos percorridos? Comunica suas respostas com clareza? Contesta pontos que no compreendeu? Participa dos trabalhos em grupo? Ajuda os outros na resolu豫o de problemas?
>
>
Elaborar instrumentos para registrar observa寤es sobre os alunos, criando fichas para o mapeamento do desenvolvimento e atitudes que incluem questes, como: faz perguntas? Usa estratgias criativas ou apenas as convencionais? justifica caminhos percorridos? Comunica suas respostas com clareza? Contesta pontos que no compreendeu? Participa dos trabalhos em grupo? Ajuda os outros na resolu豫o de problemas?
 

Revision 1625 Aug 2006 - CecilioSantos

Line: 1 to 1
 
META TOPICPARENT name="GRUPO3"

PLANOS DE A플O

Revision 1530 Jun 2006 - CecilioSantos

Line: 1 to 1
 
META TOPICPARENT name="GRUPO3"

PLANOS DE A플O

Revision 1421 Jun 2006 - CecilioSantos

Line: 1 to 1
 
META TOPICPARENT name="GRUPO3"

PLANOS DE A플O

Line: 7 to 7
  PLANO EM A플O - TECNOLOGIA II
Changed:
<
<
ORIENTA플O => Antnio Ceclio
>
>
ORIENTA플O => Antnio Ceclio
  TEMA = Ambientes Colaborativos

Revision 1308 Jun 2006 - CecilioSantos

Line: 1 to 1
 
META TOPICPARENT name="GRUPO3"

PLANOS DE A플O

Line: 88 to 88
  acesso livre s mquinas com apoio dos agentes de cultura
Changed:
<
<
discusso coletiva a respeito da a豫o.
>
>
discusso coletiva a respeito da a豫o
  AVALIA플O
Changed:
<
<
Nesta atividade estarei considerando a organiza豫o, participa豫o, o envolvimento, as percap寤es, os sentimentos e os conhecimentos diante das discusso coletiva logo aps a visita.
>
>
Nesta atividade estarei considerando a organiza豫o, participa豫o, o envolvimento, as percap寤es, os sentimentos e os conhecimentos diante das discusso coletiva logo aps a visita..
 


Revision 1207 Jun 2006 - CecilioSantos

Line: 1 to 1
 
META TOPICPARENT name="GRUPO3"

PLANOS DE A플O

Line: 21 to 21
  ESTRATGIAS

Changed:
<
<
agenda no ponto de cultura para fazer libera豫o do tabuleiro digital;
>
>
Produ豫o de ofcio para agendamento e libera豫o do tabuleiro digital;

  exposi豫o dialogada com os alunos participantes a cerca da cria豫o de e-mail;
Added:
>
>
  cria豫o do login e da senha individualmente;
Added:
>
>
  Publica豫o de sua interpreta豫o nos e-mails;
Added:
>
>
  debate na sala de aula sobre os comentrios de cada colega,
Added:
>
>
  cria豫o de lista de discusso;
Added:
>
>
  Produzir um blog cooperativo; analisar relatrios dos alunos.?

RECURSOS HUMANOS

Line: 37 to 44
  Elaborar instrumentos para registrar observa寤es sobre os alunos, criando fichas para o mapeamento dos desenvolvimento e atitudes que mudam questes como: faz perguntas? Usa estratgias criativas ou apenas as convencionais? justifica caminhos percorridos? Comunica suas respostas com clareza? Contesta pontos que no compreendeu? Participa dos trabalhos em grupo? Ajuda os outros na resolu豫o de problemas?

Changed:
<
<
>
>



 Escola Municipal Duque de Caxias

Professora - Endia Alves de Arajo

Changed:
<
<
Objetivo -
>
>
Turno/turma - grupo 9- turma C matutino

Tema - Visita ao tabuleiro digital: exploraa豫o livre

Local - Ponto de Cultura Ciberparque Ansio Teixeira

Data - organiza豫o: 15 -22/04/06

 
Changed:
<
<
Oferecer oportunidade de integra豫o com o mundo virtual, atravs de uma metodologia eficaz, onde o aluno interage de forma colaborativa com o mundo da tecnologia.
>
>
Visita - 22/04/06
  Justificativa:
Changed:
<
<
Informtica da educa豫o um novo dominio da cincia aplicado nas escolas. Com este projeto os alunos conseguem fazer parte da incluso digital de forma significativa, abrindo e-mail, blog e participando da discusso em rede.
>
>
Tecnologia na educa豫o um novo campo do conhecimento do/no qual a escola deve est inserida. Com este projeto quero apresentar aos alunos possibilidades de incluso digital de forma significativa.

Objetivos -

Conhecer a mquina, seus acessrios;

interagir com o computador atravs do mouse, do teclado;

estabelecer a rela豫o entre o mouse e link;

explorar livremente os recursos tecnolgicos (sites, jogos, aplicativos, desenhos, pinturas)

solicitar o espao do tabuleiro digital.

conscientizar acerca da segurana no translado

  Estratgias:
Changed:
<
<
agenda do tabuleiro digital para os alunos em 22/04, tiveram contato com a mquina, desenharam, pintaram, pois a internet estva fora do ar. As crianas ficaram entusiamados com o que foi proposto.
>
>
agendamento do tabuleiro digital para visita dos alunos em 22/04;

conversas com os alunos para tratar da organiza豫o para o deslocamento at o tabulero digital;

acesso livre s mquinas com apoio dos agentes de cultura

discusso coletiva a respeito da a豫o.

 
Added:
>
>
AVALIA플O
 
Added:
>
>
Nesta atividade estarei considerando a organiza豫o, participa豫o, o envolvimento, as percap寤es, os sentimentos e os conhecimentos diante das discusso coletiva logo aps a visita.


 Escola Duque de Caxias

Professora: Julina Maciel

Revision 1102 Jun 2006 - CecilioSantos

Line: 1 to 1
 
META TOPICPARENT name="GRUPO3"

PLANOS DE A플O

Line: 7 to 7
  PLANO EM A플O - TECNOLOGIA II
Changed:
<
<
ORIENTA플O => Antnio Ceclio
>
>
ORIENTA플O => Antnio Ceclio
 
Changed:
<
<
TEMA
>
>
TEMA = Ambientes Colaborativos
 
Changed:
<
<
Ambientes Colaborativos
>
>
OBJETIVO GERAL
 
Changed:
<
<
OBJETIVO GERAL
>
>
Introduzir novas abordagens para o esclarecimento interativo na cria豫o de e-mails como os alunos da 1 fase B do colgio Odete Nunes Dourado, Irec-Ba, orientando-os quanto aos objetos de aprendizagens a partir dos temas abordados em sala de aula na matria de Histria, contribuindo assim no desenvolvimento da aprendizagem nas prticas colaborativas para que eles possam se tornar sujeitos interacionistase e instrucionistas, bem como Produzir um blog cooperativo com as produ寤es dos alunos; disponibilizando as produ寤es do grupo em rede para socializa豫o e aprecia豫o dos colegas da faculdade.
 
Changed:
<
<
Introduzir novas abordagens para o esclarecimento interativo na cria豫o de e-mails como os alunos da 1 fase B do colgio Odete Nunes Dourado, Irec-Ba, orientando-os a comunicar em rede a partir dos temas abordados em sala de aula na matria de Historia, contribuindo assim no desenvolvimento da aprendizagem nas prticas colaborativas. Produzir um blog cooperativo com as produ寤es dos alunos; disponibilizar as produ寤es do grupo em rede para socializa豫o e aprecia豫o.

OBJETIVOS ESPECFICOS

>
>
OBJETIVOS ESPECFICOS
  Nesse contexto, espero que os alunos possam perceber os passos para criar e-mails; saber us-los na sua forma豫o, tendo como suporte as informa寤es comentadas, bem como refletir sobre as problemticas decorrentes das novas abordagens em aula , particularmente nos temas de Histria; emitir suas opinies nos ambientes de aprendizagem, assim como fazer cadastros nos mesmos.Utilizar a Internet como meio de produ豫o colaborativa; Pesquisar temas especficos e / ou espontneos;
Changed:
<
<
ESTRATGIAS
>
>
ESTRATGIAS
  agenda no ponto de cultura para fazer libera豫o do tabuleiro digital; exposi豫o dialogada com os alunos participantes a cerca da cria豫o de e-mail;
Line: 31 to 29
  cria豫o de lista de discusso; Produzir um blog cooperativo; analisar relatrios dos alunos.?

Changed:
<
<
RECURSOS HUMANOS
>
>
RECURSOS HUMANOS
  Professor , alunos , dire豫o, agentes do ponto de cultura, coordena豫o do ponto de cultura, professora Maria Bonila.
Changed:
<
<
AVALIA플O
>
>
AVALIA플O
  Elaborar instrumentos para registrar observa寤es sobre os alunos, criando fichas para o mapeamento dos desenvolvimento e atitudes que mudam questes como: faz perguntas? Usa estratgias criativas ou apenas as convencionais? justifica caminhos percorridos? Comunica suas respostas com clareza? Contesta pontos que no compreendeu? Participa dos trabalhos em grupo? Ajuda os outros na resolu豫o de problemas?

Line: 433 to 431
  HORTA, Carlos Felipe de Melo Marques. Alegria Alegria: as mais belas can寤es de nossa infncia. Belo Horizonte: Editora Leitora, 1999.
Added:
>
>
ESCOLA MUNICIPAL NOSSA SENHORA APARECIDA

DATA 30.05.2006

GUPO: EJA- PRIMEIRO SEGMENTO-

TURNO NOTURNO

EJA EDUCA플O DE JOVENS E ADULTOS - ALFABETIZA플O

PROFESSORA = MARIA DA CONCEI플O SOUZA CANA VERDE

PLANO DE AULA DATA DA VISITA AO TABULEIRO DIGITAL

OBJETIVO GERAL

PROPORCIONAL AOS ALUNOS CONHECEREM O TABULEIRO DIGITAL E MANUSEAR AS M핽UINAS.

JUSTIFICATIVA

PENSANDO NA NECESSIDADE DE OS ALUNOS DA EDUCA플O DE JOVENS E ADULTOS SEREM INCLUDOS NO MUNDO DIGITAL, E COMO ESTOU PARTICIPANDO DO GEAC DE TECNOLOGIA ,SENTIR-ME COM A RESPONSABILIDADE DE INGRESSAR-LOS DIGITALMENTE, POIS ESTAMOS NA ERA TECNOLOGICA POR ISSO N홒 POSSO DEIXA-LOS DE FORA.

OBJETIVOS ESPECFICOS

CONHECER O TABULEIRO DIGITAL INTERAGIR COM A M핽UINA MANUSEANDO PARA DESPERTAR A CURIOSSIDADE PELA A MESMA.

METODOLOGIA:

LEVANTAMENTO DOS CONHECIMENTOS PRVIOS DOS EDUCANDOS, ATRAVS DE QUESTIONAMENTOS. ORGANIZA플O DA IDA AO TABULEIRO DIGITAL JUNTAMENTE COM OS ALUNOS.

AVALIA플O:

RELATOS PESSOAL TEXTO COLETIVO DEPOIMENTOS

REFERNCIA BIOGR핮ICA: BONILLA, Maria Helena - Escola Aprendente. capitulo VII.

RECURSOS;

M핽UINA FOTOGR핮ICA COMPUTADOR QUADRO DE GIZ PAPEL OFCIO L핻IS

Revision 1025 May 2006 - CecilioSantos

Line: 1 to 1
 
META TOPICPARENT name="GRUPO3"

PLANOS DE A플O

Line: 45 to 45
  Professora - Endia Alves de Arajo
Changed:
<
<
Objetivo - Oferecer oportunidade de integra豫o com o mundo virtual, atravs de uma metodologia eficaz, onde o aluno interage de forma colaborativa com o mundo da tecnologia.
>
>
Objetivo -
 
Changed:
<
<
Justificativa: Informtica da educa豫o um novo dominio da cincia aplicado nas escolas. Com este projeto os alunos conseguem fazer parte da incluso digital de forma significativa, abrindo e-mail, blog e participando da discusso em rede. Estratgias: agenda do tabuleiro digital para os alunos em 22/04, tiveram contato com a mquina, desenharam, pintaram, pois a internet estva fora do ar. As crianas ficaram entusiamados com o que foi proposto.
>
>
Oferecer oportunidade de integra豫o com o mundo virtual, atravs de uma metodologia eficaz, onde o aluno interage de forma colaborativa com o mundo da tecnologia.

Justificativa:

Informtica da educa豫o um novo dominio da cincia aplicado nas escolas. Com este projeto os alunos conseguem fazer parte da incluso digital de forma significativa, abrindo e-mail, blog e participando da discusso em rede.

Estratgias:

agenda do tabuleiro digital para os alunos em 22/04, tiveram contato com a mquina, desenharam, pintaram, pois a internet estva fora do ar. As crianas ficaram entusiamados com o que foi proposto.

 

Escola Duque de Caxias

Line: 90 to 97
 
Changed:
<
<
Escola Municipal Professor Paulo Freire
>
>
OEscola Municipal Professor Paulo Freire
 Data- 10-05.06.
Added:
>
>
 Grupos= 10 e 06
Added:
>
>
 Turno- Matutino
Changed:
<
<
Professoras- Elizete Moitinho Dourado Valois Rios e Maureny Barbosa
>
>
Professoras- Elizete Moitinho Dourado Valois Rios e Maureny Barbosa
 

Plano de aula

Line: 124 to 135
  -Deabate em sala de aula com os alunos, avaliando a visita ao Tabuleiro Digital, bem como pontos positivos e negativos.
Changed:
<
<
-Observa豫o no Tabuleiro Digital do desenvolvimento dos alunos e da intera豫o dos mesmos.
>
>
-Observa豫o no Tabuleiro Digital do desenvolvimento dos alunos e da intera豫o dos mesmos.

Escola Floriano Dourado

Cursista: - Maria da Penha

 
Deleted:
<
<
Escola Floriano Dourado Cursista: - Maria da Penha
 PROJETO: CONHECENDO O MUNDO VIRTUAL
Added:
>
>
 JUSTIFICATIVA: Vivendo num mundo digital e morando em um Povoado, convivendo com alunos de classes multisseriadas, sinto a necessidade de inclui - los nesse mundo desconhecido, mas possvel.
Added:
>
>
 OBJETIVO GERAL: Possibilitar as crianas conhecerem e viverem no mundo digital, dando - lhes oportunidade de manusear essa maquina desconhecida e fascinante.
Added:
>
>
 OBJETIVOS ESPECIFICOS:
Added:
>
>
 - Entrar em contato com o computador.
Added:
>
>
 - Manusear a mquina.
Added:
>
>
 - Ter oportunidade de entrar no mundo digital atravs dos seus recursos.
Added:
>
>
 - Conscientizar-se que o mundo digital tambm uma forma de comunica豫o.
Added:
>
>
 - Entrar em contato com outras pessoas por meio de e-mail.
Added:
>
>
 CONTEUDOS:
Added:
>
>
 - Manuseio da mquina: conhecimento do teclado.
Added:
>
>
 - Abertura de e-mail.
Added:
>
>
 - Conversa豫o com outras pessoas.
Added:
>
>
 SEQUENCIA DIDATICA:
Added:
>
>
 - Apresenta豫o do projeto.
Added:
>
>
 - Conhecer na teoria e prtica um computador.
Added:
>
>
 - Visitar o espao tecnolgico: tabuleiro digital em Irec.
Added:
>
>
 - Abrir e-mail.
Added:
>
>
 - Abrir blog.
Added:
>
>
 AVALIA플O: observa豫o da atividade dos alunos e corre豫o de algumas falhas
Changed:
<
<
maria da penha Escola Municipal Professor Paulo Freire
>
>
maria da penha

Escola Municipal Professor Paulo Freire

 Data 08/05/06
Added:
>
>
 grupos 06 e 10
Added:
>
>
 Turno Matutino
Changed:
<
<
Professoras- Maureny Barbosa Da Costa e Elizete M. D. Valois Rios
>
>
Professoras- Maureny Barbosa Da Costa e Elizete M. D. Valois Rios
 Plano de aula
Added:
>
>
 Objetivo:
Added:
>
>
 -Oportunizar o contato com o computador permitindo a explora豫o e o manuseio do mesmo.
Added:
>
>
 -Justificativa:
Added:
>
>
 Nos dias atuais a tecnologia apresenta com grande responsvel pelo desenvolvinento da produ豫o de conhecimento, nesse sentido, faz-se necessrio oferecer as crianas a oportuniadade de explorar o computador desenvolvendo suas pontencialidades. Resolvemos por isso, utilizar o espao do Tabuleiro Digital para oferecer aos alunos um momento de explora豫o com o computador para que os mesmos possam conhecer e manusear a mquina de acordo com sua curiosidade.
Added:
>
>
 Desenvolvimento:
Added:
>
>
 -Planejar juntamente com os alunos a visita ao Tabuleiro Digital, elaborando algumas regras, bem como possveis a寤es;
Added:
>
>
 -Aula prtica com os alunos no Tabuleiro Digital, contando com o apoio dos agentes de cultura.
Added:
>
>
 -Avalia豫o da visita ao Tabuleiro Digital, juntamente com os alunos na sala de aula;

Avalia豫o:

Line: 166 to 219
 -Avalia豫o da visita ao Tabuleiro Digital, juntamente com os alunos na sala de aula;

Avalia豫o:

Added:
>
>
 -Debate em sala de aula com os alunos, avaliando a visita ao Tabuleiro Digital, bem como pontos positivos e negativos.
Changed:
<
<
-Observa豫o no Tabuleiro Digital do desenvolvimento dos alunos e da intera豫o dos mesnos.
>
>
-Observa豫o no Tabuleiro Digital do desenvolvimento dos alunos e da intera豫o dos mesmos.

 UNIVERSIDADE FEDERAL DA BAHIA
Added:
>
>
 CURSO LICENCIATURA EM PEDAGOGIA IREC 뺹A
Added:
>
>
 ATIVIDADE 516 TECNOLOGIA
Added:
>
>
 PROFESSORA: BONILLA
Added:
>
>
 CICLO: V-2006
Changed:
<
<
DISCENTE: GEOVAN SILVA QUEIROZ
>
>
DISCENTE: GEOVAN SILVA QUEIROZ
 ORIENTADORA: IVANETE PEREIRA
Line: 274 to 373
 Referncias bibliogrficas

* Levy, Pierre Cibercultura So Paulo, Ed. 34. 1999, cap. VII

Added:
>
>
 * Primo, Alex Fernando Texeira. A emergncia das comunidades virtuais. Disponvel em: http://usr.psico.ufrgzs.br/~aprimo/pb/comumi.htm
Added:
>
>
 * E-mail gratuito http://www.yahoo.com.br/
Added:
>
>
 * geovanqueiroz@yahoo.com.br
Changed:
<
<
ESCOLA: IRENE GAROFANI IDEALIAZADORAS: POLIANA CARDOSO, JADILZA ALVES, MARIA ANGLICA DOURADO, JEANE SENA, TERESINHA REIS, MAURA DOURADO.
>
>

ESCOLA: IRENE GAROFANI IDEALIAZADORAS: POLIANA CARDOSO, JADILZA ALVES, MARIA ANGLICA DOURADO, JEANE SENA, TERESINHA REIS, MAURA DOURADO.

 핾EA: LNGUA PORTUGUESA
Added:
>
>
 DURA플O: 2 MESES
Added:
>
>
 FREQ珤NCIA: 3 DIAS SEMANAIS
Added:
>
>
 DIRE플O: MAURA DE CASTRO
Added:
>
>
 COORDENA플O: JUREMA M. MARQUES DE ANDRADE

Projeto de aprendizagem

Line: 298 to 405
  A msica sempre esteve presente nas tradi寤es culturais de cada poca. Atualmente os recursos tecnolgicos tm evoludo e se transformado de maneira muito rpida, e, vem tambm modificando as referncias musicais atravs de diferentes meios. Criar condi寤es para a inser豫o dos alunos neste Objetivos especficos mundo e abrir-lhes portas, ampliando suas perspectivas. Diante disso, elegemos as cantigas de roda como possibilidade de experimenta豫o dos recursos tecnolgicos na aprecia豫o, compara豫o e modifica豫o de arranjos e melodias, utilizando as mltiplas referncias musicais, culminando com a produ豫o de um vdeo clip, contendo algumas cantigas de roda que expressem os mais diversos sons e estilos musicais, retratando diferentes pocas e contextos musicais.
Added:
>
>
Objetivos Especficos
 
Changed:
<
<
* Despertar o gosto pelas cantigas de roda; * Participar de diferentes situa寤es de comunica豫o oral; * Vivenciar a linguagem musical por meio de recursos tecnolgicos, vdeo, dvd, cd, etc.; * Ampliar o repertrio oral e escrito da criana; * Socializar as cantigas de roda conhecidas, utilizando o aparelho de som para divulga豫o; * Apreciar a linguagem potica e musical das cantigas de roda, por meio do canto e da dana, tendo como recurso o aparelho de som, dvd, vdeo, etc.; * Interessar-se por escrever cantigas de roda ainda que de forma no convencional, utilizando o computador e tendo ajuda de um companheiro experiente (colega professora); * Vivenciar situa寤es em que a tecnologia esteja presente, seja para ouvir as cantigas ou para gravar as cantigas de roda conhecidas pelo grupo; * Promover intera豫o entre os alunos; * Presenciar atos de leitura e escrita da criana; * Desenvolver o esprito cooperativo durante o desenvolvimento das atividades; * Conhecer diferentes recursos tecnolgicos e os diferentes espaos de uso; * Compreender os avanos tecnolgicos na perspectiva de preserva豫o de valores culturais (cantigas de roda); * Conhecer cantigas de roda de roda de diferentes pocas e regies; * Comparar cantigas de roda com outras referncias musicais; * Apreciar as cantigas de roda, utilizando a linguagem do desenho e da pintura; * Observar as cantigas de roda em seus aspectos quantitativos e qualitativos, utilizando a linguagem matemtica (grficos com as preferncias musicais, tabelas com as quantidades de cantigas aprendidas, utilizar as cantigas para contagem de palavras, trabalhar cantigas que envolvam nmeros, etc.); * Aprecia豫o e reprodu豫o de imagem; * Produzir diferentes ritmos musicais, utilizando as cantigas de roda.
>
>
* Despertar o gosto pelas cantigas de roda; * Participar de diferentes situa寤es de comunica豫o oral; * Vivenciar a linguagem musical por meio de recursos tecnolgicos, vdeo, dvd, cd, etc.; * Ampliar o repertrio oral e escrito da criana; * Socializar as cantigas de roda conhecidas, utilizando o aparelho de som para divulga豫o; * Apreciar a linguagem potica e musical das cantigas de roda, por meio do canto e da dana, tendo como recurso o aparelho de som, dvd, vdeo, etc.; * Interessar-se por escrever cantigas de roda ainda que de forma no convencional, utilizando o computador e tendo ajuda de um companheiro experiente (colega professora); * Vivenciar situa寤es em que a tecnologia esteja presente, seja para ouvir as cantigas ou para gravar as cantigas de roda conhecidas pelo grupo; * Promover intera豫o entre os alunos; * Presenciar atos de leitura e escrita da criana; * Desenvolver o esprito cooperativo durante o desenvolvimento das atividades; * Conhecer diferentes recursos tecnolgicos e os diferentes espaos de uso; * Compreender os avanos tecnolgicos na perspectiva de preserva豫o de valores culturais (cantigas de roda); * Conhecer cantigas de roda de roda de diferentes pocas e regies; * Comparar cantigas de roda com outras referncias musicais; * Apreciar as cantigas de roda, utilizando a linguagem do desenho e da pintura; * Observar as cantigas de roda em seus aspectos quantitativos e qualitativos, utilizando a linguagem matemtica (grficos com as preferncias musicais, tabelas com as quantidades de cantigas aprendidas, utilizar as cantigas para contagem de palavras, trabalhar cantigas que envolvam nmeros, etc.); * Aprecia豫o e reprodu豫o de imagem; * Produzir diferentes ritmos musicais, utilizando as cantigas de roda.
  Etapas previstas
Changed:
<
<
* Apresenta豫o do projeto * Contato freqente e sistemtico nas cantigas de roda; * Uso da tecnologia; * Planejamento das a寤es; * Produ豫o de um vdeo clipe/cd; * Conhecer o Ponto de Cultura; * Avalia豫o;
>
>
* Apresenta豫o do projeto * Contato freqente e sistemtico nas cantigas de roda; * Uso da tecnologia; * Planejamento das a寤es; * Produ豫o de um vdeo clipe/cd; * Conhecer o Ponto de Cultura; * Avalia豫o;
 Situa寤es comunicativas
Changed:
<
<
* Autores: alunos e professores * Interlocutores: comunidade escolar, pais, alunos e professores da UFBA
>
>
* Autores: alunos e professores * Interlocutores: comunidade escolar, pais, alunos e professores da UFBA
 Situa寤es favorveis
Changed:
<
<
* Coletneas * Musical (clipe)
>
>
* Coletneas * Musical (clipe)
  Orienta寤es didticas
Changed:
<
<
* Iremos conhecer o tabuleiro digital. Nele podemos usufruir o uso de computadores. Algum j viu um computador antes? Sabem como us-lo? Pois agora iremos manusear o computador e ver como ele funciona. * Sei que a maioria das crianas gosta e conhece algumas cantigas de roda. Gostariam de saber quais so as mais conhecidas e as preferidas de vocs? Quem gosta de brincar de roda? Como voc teve acesso a estas cantigas? Foi atravs de grava寤es em fitas, cds? Ou no? Vocs j pensaram em produzir um vdeo dessas brincadeiras? Vocs imaginam como funciona? Gostariam de saber?; * Mame e papai estamos trabalhando com o projeto 밅antigas de roda numa perspectiva tecnolgica. Ajude seu (a) filho (a) a ampliar o repertrio pesquisando junto com ele (a) uma bela cantiga de roda e a escrever no espao abaixo; * Pesquise com a ajuda de um adulto, figuras de aparelhos como rdio, computador, televiso, vdeo-game, mquina fotogrfica, etc., os quais demandam o uso da tecnologia, socializando-as depois no momento da leitura; * Trouxe um CD s de cantigas de roda. Vamos ouvir? E depois escolhermos algumas para brincarmos no ptio? * Cantigas de roda, msica pura, de linguagem ingnua e de fcil memoriza豫o, que penetra em nossa mente e no sai nunca mais. Portanto, aprecie e capriche na ilustra豫o das cantigas; * O livro 밃legria, Alegria, traz as mais belas can寤es da nossa infncia, e com ele acompanha o cd. Vamos ouvir e cantar, apreciando as melodias e ritmos diferentes de cada cantiga.
>
>
* Iremos conhecer o tabuleiro digital. Nele podemos usufruir o uso de computadores. Algum j viu um computador antes? Sabem como us-lo? Pois agora iremos manusear o computador e ver como ele funciona. * Sei que a maioria das crianas gosta e conhece algumas cantigas de roda. Gostariam de saber quais so as mais conhecidas e as preferidas de vocs? Quem gosta de brincar de roda? Como voc teve acesso a estas cantigas? Foi atravs de grava寤es em fitas, cds? Ou no? Vocs j pensaram em produzir um vdeo dessas brincadeiras? Vocs imaginam como funciona? Gostariam de saber?; * Mame e papai estamos trabalhando com o projeto 밅antigas de roda numa perspectiva tecnolgica. Ajude seu (a) filho (a) a ampliar o repertrio pesquisando junto com ele (a) uma bela cantiga de roda e a escrever no espao abaixo; * Pesquise com a ajuda de um adulto, figuras de aparelhos como rdio, computador, televiso, vdeo-game, mquina fotogrfica, etc., os quais demandam o uso da tecnologia, socializando-as depois no momento da leitura; * Trouxe um CD s de cantigas de roda. Vamos ouvir? E depois escolhermos algumas para brincarmos no ptio? * Cantigas de roda, msica pura, de linguagem ingnua e de fcil memoriza豫o, que penetra em nossa mente e no sai nunca mais. Portanto, aprecie e capriche na ilustra豫o das cantigas; * O livro 밃legria, Alegria, traz as mais belas can寤es da nossa infncia, e com ele acompanha o cd. Vamos ouvir e cantar, apreciando as melodias e ritmos diferentes de cada cantiga.
  Avalia豫o
Line: 361 to 431
  BRASIL, Ministrio da Educa豫o, Secretaria de Educa豫o Fundamental. Referencial Curricular Nacional de Matemtica e Arte. Braslia: MEC/SEF. 2001
Changed:
<
<
HORTA, Carlos Felipe de Melo Marques. Alegria Alegria: as mais belas can寤es de nossa infncia. Belo Horizonte: Editora Leitora, 1999.
>
>
HORTA, Carlos Felipe de Melo Marques. Alegria Alegria: as mais belas can寤es de nossa infncia. Belo Horizonte: Editora Leitora, 1999.
 

Revision 925 May 2006 - CecilioSantos

Line: 1 to 1
 
META TOPICPARENT name="GRUPO3"

PLANOS DE A플O

Line: 41 to 41
 
Changed:
<
<
Escola Municipal Duque de Caxias
>
>
Escola Municipal Duque de Caxias
 
Changed:
<
<
Professora - Endia Alves de Arajo
>
>
Professora - Endia Alves de Arajo
  Objetivo - Oferecer oportunidade de integra豫o com o mundo virtual, atravs de uma metodologia eficaz, onde o aluno interage de forma colaborativa com o mundo da tecnologia.

Justificativa: Informtica da educa豫o um novo dominio da cincia aplicado nas escolas. Com este projeto os alunos conseguem fazer parte da incluso digital de forma significativa, abrindo e-mail, blog e participando da discusso em rede.

Changed:
<
<
Estratgias: agenda do tabuleiro digital para os alunos em 22/04, tiveram contato com a mquina, desenharam, pintaram, pois a internet estva fora do ar. As crianas ficaram entusiamados com o que foi proposto.
>
>
Estratgias: agenda do tabuleiro digital para os alunos em 22/04, tiveram contato com a mquina, desenharam, pintaram, pois a internet estva fora do ar. As crianas ficaram entusiamados com o que foi proposto.
 
Changed:
<
<
Escola Duque de Caxias Professora: Julina Maciel
>
>
Escola Duque de Caxias

Professora: Julina Maciel

 Plano de A豫o Informtica

Justificativa:

Line: 82 to 84
  Avalia豫o:
Changed:
<
<
* Relato das experincias.
>
>
* Relato das experincias.

Escola Municipal Professor Paulo Freire Data- 10-05.06. Grupos= 10 e 06 Turno- Matutino Professoras- Elizete Moitinho Dourado Valois Rios e Maureny Barbosa

Plano de aula

Objetivo:

Oportuniazar o contato com o computador permitindo a explora豫o e o manuseio do mesmo.

Justificativa:

Nos dias atuais, a tecnologia se apresenta como grande responsvel pelo desenvolvimentoda produ豫o de conhecimento, nesse sentido, faz-se necessrio oferecer as crianas oportunidade de explorar o computador desenvolvendo suas potencialidades. Resolvemos por isso, utilizar o espao do Tabuleiro Digital para oferecer aos alunos um momento de explora豫o com o computador, para que os mesmos possam conhecer e amanusear a mquina de acordo com sua curiosidade.

Desenvolvimento:

Planejar juntamente com os alunos a visita ao Tabuleiro Digital, elaborando algumas regras, bem como possveis a寤es;

Aula prtica com os alunos no Tabuleiro Digital, contando com o apoio dos agentes de cultura;

Avalia豫o da visita ao TD, juntamente com os alunos na sala de aula.

Avalia豫o:

-Deabate em sala de aula com os alunos, avaliando a visita ao Tabuleiro Digital, bem como pontos positivos e negativos.

-Observa豫o no Tabuleiro Digital do desenvolvimento dos alunos e da intera豫o dos mesmos.

Escola Floriano Dourado Cursista: - Maria da Penha PROJETO: CONHECENDO O MUNDO VIRTUAL JUSTIFICATIVA: Vivendo num mundo digital e morando em um Povoado, convivendo com alunos de classes multisseriadas, sinto a necessidade de inclui - los nesse mundo desconhecido, mas possvel. OBJETIVO GERAL: Possibilitar as crianas conhecerem e viverem no mundo digital, dando - lhes oportunidade de manusear essa maquina desconhecida e fascinante. OBJETIVOS ESPECIFICOS: - Entrar em contato com o computador. - Manusear a mquina. - Ter oportunidade de entrar no mundo digital atravs dos seus recursos. - Conscientizar-se que o mundo digital tambm uma forma de comunica豫o. - Entrar em contato com outras pessoas por meio de e-mail. CONTEUDOS: - Manuseio da mquina: conhecimento do teclado. - Abertura de e-mail. - Conversa豫o com outras pessoas. SEQUENCIA DIDATICA: - Apresenta豫o do projeto. - Conhecer na teoria e prtica um computador. - Visitar o espao tecnolgico: tabuleiro digital em Irec. - Abrir e-mail. - Abrir blog. AVALIA플O: observa豫o da atividade dos alunos e corre豫o de algumas falhas maria da penha Escola Municipal Professor Paulo Freire Data 08/05/06 grupos 06 e 10 Turno Matutino Professoras- Maureny Barbosa Da Costa e Elizete M. D. Valois Rios Plano de aula Objetivo: -Oportunizar o contato com o computador permitindo a explora豫o e o manuseio do mesmo. -Justificativa: Nos dias atuais a tecnologia apresenta com grande responsvel pelo desenvolvinento da produ豫o de conhecimento, nesse sentido, faz-se necessrio oferecer as crianas a oportuniadade de explorar o computador desenvolvendo suas pontencialidades. Resolvemos por isso, utilizar o espao do Tabuleiro Digital para oferecer aos alunos um momento de explora豫o com o computador para que os mesmos possam conhecer e manusear a mquina de acordo com sua curiosidade. Desenvolvimento: -Planejar juntamente com os alunos a visita ao Tabuleiro Digital, elaborando algumas regras, bem como possveis a寤es; -Aula prtica com os alunos no Tabuleiro Digital, contando com o apoio dos agentes de cultura. -Avalia豫o da visita ao Tabuleiro Digital, juntamente com os alunos na sala de aula;

Avalia豫o: -Debate em sala de aula com os alunos, avaliando a visita ao Tabuleiro Digital, bem como pontos positivos e negativos. -Observa豫o no Tabuleiro Digital do desenvolvimento dos alunos e da intera豫o dos mesnos. UNIVERSIDADE FEDERAL DA BAHIA CURSO LICENCIATURA EM PEDAGOGIA IREC 뺹A ATIVIDADE 516 TECNOLOGIA PROFESSORA: BONILLA CICLO: V-2006 DISCENTE: GEOVAN SILVA QUEIROZ ORIENTADORA: IVANETE PEREIRA

PROJETO DE APRENDIZAGEM 밒NCLUS홒 DIGITAL

Introdu豫o:

Com as transforma寤es ocorridas no final do sculo XX, especialmente as decorrentes da conexo do sistema de telecomunica寤es com a informtica, demarcam-se significativa mudanas na rela豫o entre tecnologia e sociedade. Neste contexto, verifica-se uma expanso exponencial das formas de comunica豫o, principalmente via computadores em redes. Essa expanso ocorre sem delimenta豫o de fronteiras, por diversos espaos, o que propicia troca de informa寤es e a emergncia de diferentes rela寤es sociais, que interligam realidades reais/virtuais. Isso altera significativamente o meio e favorece o surgimento de rela寤es antes no estabelecidas, que iro tecer uma complexa rede de possibilidades.

Objetivo

Criar condi寤es e ambientes favorveis onde os alunos possam conhecer a cultura do ciberespao e perceba que a internet ocupa um papel extremamente relevante como fonte de pesquisa, para os alunos de todo o mundo, suprindo particularmente as deficincias daqueles que no possuem uma boa estrutura de bibliotecas e outros acervos de pesquisas; mas tambm, que cada um perceba que ele dever ser um profissional capaz de aprender sempre; um ser consciente e crtico, que dialogue com as diferentes culturas e os diversos saberes; que saibam trabalhar de forma cooperativa, que seja flexvel, empreendedor e criativo para administrar sua carreira e sua vida pessoal, social e poltica.

Justificativa

Na escola das prximas dcadas, seremos responsveis por formar alunos que possam otimizar os prprios processos de constru豫o do conhecimento. Segundo uma pesquisa de Peter Drucker (1995), um trabalhador que utiliza as tecnologias da era da informa豫o tem uma produtividade 45 vezes maior do que a de outro de 120 anos atrs. Ento, antes buscavam-se o padro de eficincia produzir mais em menos tempo; hoje busca-se a eficcia produzir aquilo que necessrio, nas quantidades ideais. Portanto, esse projeto vem desenvolver processos abrangentes, seguindo critrios como: consistncia, previsibilidade, motiva豫o, envolvimento, performance, capacidade de articular conhecimento, de comunicar-se e estabelecer rela寤es. Isso ajudar a preparar o cidado da era do ciberespao (o nosso aluno).

Objetivos especficos

* Promover situa寤es favorveis que possibilitem o envolvimento da sociedade escolar (as turmas) no eventos previstos; * Propiciar situa寤es para a comunidade participe das atividades/propostas; * Estabelecer entre o contexto social, a educa豫o e as tecnologias da informa豫o e comunica豫o: * Apropriar-se das ferramentas de comunica豫o, produ豫o e socializa豫o disponveis; * Fortalecer o processo de ensino-aprendizagem voltados para busca, anlise e tratamento de informa寤es, integra豫o em comunidades virtuais de aprendizagem e produ豫o multimiditica; * Conhecer as mquinas de ontem/hoje.

Situa寤es favorveis

* Cria豫o de e-mail (Tabuleiro Digital): * Troca de e-mail em rede; * Visita ao jornal Correio do Serto; * Visita ao Jornal Cultura e Realidade; * Chat;

* Cria豫o de e-mail: - 03/04 ser a turma 뺹 do primeiro segmento; - 04/04 ser a turma D do primeiro segmento; - 05/04 ser a turma C do primeiro segmento; - 10/04 ser a turma A do segundo segmento

*Troca de e-mail em rede: - 22/05 turma B primeiro segmento - 23/05 turma D primeiro segmento - 24/05 turma C primeiro segmento - 28/05 turma 뺸 segundo segmento

*Visita ao jornal Correio do Serto - 27/05 Sairemos s 8:00 h e retornaremos s 12:00 h para o Tareco. Onde na oportunidade haver uma confraterniza豫o; Professores, alunos, pais, dire豫o, coordena豫o e corpo docente da escola.

*Visita ao Jornal Cultura e Realidade 03/06 s 14.00 h Conhecer as mquinas de hoje;

*Chat - 12/06 Com a participa豫o da professora da Universidade Federal da Bahia Bonilla;

Etapas previstas

* Apresenta豫o do projeto; * Planejamento e produ豫o das atividades; * Sele豫o das atividades e materiais; * Diviso das tarefas; * Atribui豫o das tarefas; * Execu豫o dos projetos; * Avalia豫o

Metodologia

Nas aulas de cincia, estaremos produzindo conhecimento atravs de leituras, discusses, anlise de produ寤es digitais e explora豫o das ferramentas de comunica豫o na rede.

Recursos disponveis

* Computadores * Rdio Web * Jornais * Cmara fotogrfica digital * Filmadora e fita para a mesma * Tabuleiro digital * Ponto de cultura * Recursos humanos * Retropojetor * nibus

Avalia豫o

A avalia豫o se constituir de atividades desenvolvidas ao longo da carga horria das nossas aulas. Sero considerados relevantes os critrios de inser豫o, participa豫o, envolvimento e desenvolvimento de relatrios, bem como a alta-reflexo sobre essas experincias de aprendizagem especfica; a partir dos dispositivos criados nas aulas de cincia.

Referncias bibliogrficas

* Levy, Pierre Cibercultura So Paulo, Ed. 34. 1999, cap. VII * Primo, Alex Fernando Texeira. A emergncia das comunidades virtuais. Disponvel em: http://usr.psico.ufrgzs.br/~aprimo/pb/comumi.htm * E-mail gratuito http://www.yahoo.com.br/ * geovanqueiroz@yahoo.com.br ESCOLA: IRENE GAROFANI IDEALIAZADORAS: POLIANA CARDOSO, JADILZA ALVES, MARIA ANGLICA DOURADO, JEANE SENA, TERESINHA REIS, MAURA DOURADO. 핾EA: LNGUA PORTUGUESA DURA플O: 2 MESES FREQ珤NCIA: 3 DIAS SEMANAIS DIRE플O: MAURA DE CASTRO COORDENA플O: JUREMA M. MARQUES DE ANDRADE

Projeto de aprendizagem

CANTIGAS DE RODA NUMA PERSPECTIVA TECNOLGICA

Objetivo geral

Fortalecer os valores culturais, fazendo uma rela豫o harmoniosa e possvel entre a musicalidade contida nas cantigas de roda e o uso dos recursos tecnolgicos.

Justificativa

A msica sempre esteve presente nas tradi寤es culturais de cada poca. Atualmente os recursos tecnolgicos tm evoludo e se transformado de maneira muito rpida, e, vem tambm modificando as referncias musicais atravs de diferentes meios. Criar condi寤es para a inser豫o dos alunos neste Objetivos especficos mundo e abrir-lhes portas, ampliando suas perspectivas. Diante disso, elegemos as cantigas de roda como possibilidade de experimenta豫o dos recursos tecnolgicos na aprecia豫o, compara豫o e modifica豫o de arranjos e melodias, utilizando as mltiplas referncias musicais, culminando com a produ豫o de um vdeo clip, contendo algumas cantigas de roda que expressem os mais diversos sons e estilos musicais, retratando diferentes pocas e contextos musicais.

* Despertar o gosto pelas cantigas de roda; * Participar de diferentes situa寤es de comunica豫o oral; * Vivenciar a linguagem musical por meio de recursos tecnolgicos, vdeo, dvd, cd, etc.; * Ampliar o repertrio oral e escrito da criana; * Socializar as cantigas de roda conhecidas, utilizando o aparelho de som para divulga豫o; * Apreciar a linguagem potica e musical das cantigas de roda, por meio do canto e da dana, tendo como recurso o aparelho de som, dvd, vdeo, etc.; * Interessar-se por escrever cantigas de roda ainda que de forma no convencional, utilizando o computador e tendo ajuda de um companheiro experiente (colega professora); * Vivenciar situa寤es em que a tecnologia esteja presente, seja para ouvir as cantigas ou para gravar as cantigas de roda conhecidas pelo grupo; * Promover intera豫o entre os alunos; * Presenciar atos de leitura e escrita da criana; * Desenvolver o esprito cooperativo durante o desenvolvimento das atividades; * Conhecer diferentes recursos tecnolgicos e os diferentes espaos de uso; * Compreender os avanos tecnolgicos na perspectiva de preserva豫o de valores culturais (cantigas de roda); * Conhecer cantigas de roda de roda de diferentes pocas e regies; * Comparar cantigas de roda com outras referncias musicais; * Apreciar as cantigas de roda, utilizando a linguagem do desenho e da pintura; * Observar as cantigas de roda em seus aspectos quantitativos e qualitativos, utilizando a linguagem matemtica (grficos com as preferncias musicais, tabelas com as quantidades de cantigas aprendidas, utilizar as cantigas para contagem de palavras, trabalhar cantigas que envolvam nmeros, etc.); * Aprecia豫o e reprodu豫o de imagem; * Produzir diferentes ritmos musicais, utilizando as cantigas de roda.

Etapas previstas

* Apresenta豫o do projeto * Contato freqente e sistemtico nas cantigas de roda; * Uso da tecnologia; * Planejamento das a寤es; * Produ豫o de um vdeo clipe/cd; * Conhecer o Ponto de Cultura; * Avalia豫o;

Situa寤es comunicativas

* Autores: alunos e professores * Interlocutores: comunidade escolar, pais, alunos e professores da UFBA

Situa寤es favorveis

* Coletneas * Musical (clipe)

Orienta寤es didticas

* Iremos conhecer o tabuleiro digital. Nele podemos usufruir o uso de computadores. Algum j viu um computador antes? Sabem como us-lo? Pois agora iremos manusear o computador e ver como ele funciona. * Sei que a maioria das crianas gosta e conhece algumas cantigas de roda. Gostariam de saber quais so as mais conhecidas e as preferidas de vocs? Quem gosta de brincar de roda? Como voc teve acesso a estas cantigas? Foi atravs de grava寤es em fitas, cds? Ou no? Vocs j pensaram em produzir um vdeo dessas brincadeiras? Vocs imaginam como funciona? Gostariam de saber?; * Mame e papai estamos trabalhando com o projeto 밅antigas de roda numa perspectiva tecnolgica. Ajude seu (a) filho (a) a ampliar o repertrio pesquisando junto com ele (a) uma bela cantiga de roda e a escrever no espao abaixo; * Pesquise com a ajuda de um adulto, figuras de aparelhos como rdio, computador, televiso, vdeo-game, mquina fotogrfica, etc., os quais demandam o uso da tecnologia, socializando-as depois no momento da leitura; * Trouxe um CD s de cantigas de roda. Vamos ouvir? E depois escolhermos algumas para brincarmos no ptio? * Cantigas de roda, msica pura, de linguagem ingnua e de fcil memoriza豫o, que penetra em nossa mente e no sai nunca mais. Portanto, aprecie e capriche na ilustra豫o das cantigas; * O livro 밃legria, Alegria, traz as mais belas can寤es da nossa infncia, e com ele acompanha o cd. Vamos ouvir e cantar, apreciando as melodias e ritmos diferentes de cada cantiga.

Avalia豫o

Acreditamos na avalia豫o como reflexo da prtica pedaggica para a tomada de decises, durante todo o processo educacional e, no apenas no momento final do projeto. um processo contnuo realizado em cada uma das atividades escolares.

 
Added:
>
>
Referncias Bibliogrficas
 
Added:
>
>
BRASIL, Ministrio da Educa豫o, Secretaria de Educa豫o Fundamental. Referencial Curricular Nacional para a Educa豫o Infantil / vol. 3. Braslia: MEC/SEF. 2001.
 
Added:
>
>
BRASIL, Ministrio da Educa豫o, Secretaria de Educa豫o Fundamental. Referencial Curricular Nacional de Matemtica e Arte. Braslia: MEC/SEF. 2001
 
Changed:
<
<
Voc acessou como Antnio Ceclio dos Santos (Sair) GEAC02
>
>
HORTA, Carlos Felipe de Melo Marques. Alegria Alegria: as mais belas can寤es de nossa infncia. Belo Horizonte: Editora Leitora, 1999.
 

Revision 818 May 2006 - CecilioSantos

Line: 1 to 1
 
META TOPICPARENT name="GRUPO3"

PLANOS DE A플O

Line: 15 to 15
  OBJETIVO GERAL

Changed:
<
<
Introduzir novas abordagens para o esclarecimento interativo na cria豫o de e-mails como os alunos da 1 fase B do colgio Odete Nunes Dourado, Irec-Ba, orientando-os a comunicar em rede a partir dos temas abordados em sala de aula na matria de Historia, contribuindo assim no desenvolvimento da aprendizagem nas prticas colaborativas. Produzir um blog cooperativo com as produ寤es do grupo; disponibilizar as produ寤es do grupo em rede para socializa豫o e aprecia豫o.
>
>
Introduzir novas abordagens para o esclarecimento interativo na cria豫o de e-mails como os alunos da 1 fase B do colgio Odete Nunes Dourado, Irec-Ba, orientando-os a comunicar em rede a partir dos temas abordados em sala de aula na matria de Historia, contribuindo assim no desenvolvimento da aprendizagem nas prticas colaborativas. Produzir um blog cooperativo com as produ寤es dos alunos; disponibilizar as produ寤es do grupo em rede para socializa豫o e aprecia豫o.
  OBJETIVOS ESPECFICOS
Line: 29 to 29
  Publica豫o de sua interpreta豫o nos e-mails; debate na sala de aula sobre os comentrios de cada colega, cria豫o de lista de discusso;
Changed:
<
<
Produzir um blog cooperativo
>
>
Produzir um blog cooperativo; analisar relatrios dos alunos.?
  RECURSOS HUMANOS

Revision 711 May 2006 - CecilioSantos

Line: 1 to 1
 
META TOPICPARENT name="GRUPO3"

PLANOS DE A플O

Line: 15 to 15
  OBJETIVO GERAL

Changed:
<
<
Introduzir novas abordagens para o esclarecimento interativo na cria豫o de e-mails como os alunos da 1 fase B do colgio Odete Nunes Dourado, Irec-Ba, orientando-os a comunicar em rede a partir dos temas abordados em sala de aula na matria de Historia, contribuindo assim no desenvolvimento da aprendizagem nas prticas colaborativas. Produzir um blog cooperativo com as produ寤es do grupo; disponibilizar as produ寤es do grupo em rede para socializa豫o e aprecia豫o.
>
>
Introduzir novas abordagens para o esclarecimento interativo na cria豫o de e-mails como os alunos da 1 fase B do colgio Odete Nunes Dourado, Irec-Ba, orientando-os a comunicar em rede a partir dos temas abordados em sala de aula na matria de Historia, contribuindo assim no desenvolvimento da aprendizagem nas prticas colaborativas. Produzir um blog cooperativo com as produ寤es do grupo; disponibilizar as produ寤es do grupo em rede para socializa豫o e aprecia豫o.
  OBJETIVOS ESPECFICOS

Revision 604 May 2006 - CecilioSantos

Line: 1 to 1
 
META TOPICPARENT name="GRUPO3"

PLANOS DE A플O

Line: 40 to 40
  Elaborar instrumentos para registrar observa寤es sobre os alunos, criando fichas para o mapeamento dos desenvolvimento e atitudes que mudam questes como: faz perguntas? Usa estratgias criativas ou apenas as convencionais? justifica caminhos percorridos? Comunica suas respostas com clareza? Contesta pontos que no compreendeu? Participa dos trabalhos em grupo? Ajuda os outros na resolu豫o de problemas?

Added:
>
>
Escola Municipal Duque de Caxias

Professora - Endia Alves de Arajo

Objetivo - Oferecer oportunidade de integra豫o com o mundo virtual, atravs de uma metodologia eficaz, onde o aluno interage de forma colaborativa com o mundo da tecnologia.

Justificativa: Informtica da educa豫o um novo dominio da cincia aplicado nas escolas. Com este projeto os alunos conseguem fazer parte da incluso digital de forma significativa, abrindo e-mail, blog e participando da discusso em rede. Estratgias: agenda do tabuleiro digital para os alunos em 22/04, tiveram contato com a mquina, desenharam, pintaram, pois a internet estva fora do ar. As crianas ficaram entusiamados com o que foi proposto.

Escola Duque de Caxias Professora: Julina Maciel Plano de A豫o Informtica

Justificativa:

* Sabemos que em uma sociedade democrtica o uso da tecnologia na educa豫o constitui um instrumento que deve estar ao alcance de todo cidado () para a constitui豫o de comunidades virtuais de aprendizagens, estimulando o gosto e o prazer pelas linguagens virtuais.

Objetivo Geral:

* Estabelecer rela寤es entre a complexidade da sociedade comtempornea utilizando o computador como meio interdisciplinar na educa豫o e as tecnologias da informa豫o aprendizagem e comunica豫o.

Obejetivo Especifico:

* Estimular a leitura e a produ豫o textual e interagir as crianas no mundo virtual. * Levar o aluno a desenvolver ou compreender os mecanismos das comunidade virtual .

Atividades:

* Visita aos Tabuleiros Digitais, e usufruir das mquinas e ampliando os conhecimentos .

* Relato sobre a visita nos tabuleiros Digitais

* Cria豫o de e-mail individual e coletivo.

Avalia豫o:

* Relato das experincias.

Voc acessou como Antnio Ceclio dos Santos (Sair) GEAC02

Revision 504 May 2006 - CecilioSantos

Line: 1 to 1
 
META TOPICPARENT name="GRUPO3"

PLANOS DE A플O

Line: 11 to 11
  TEMA
Changed:
<
<
Cria豫o de e-mails
>
>
Ambientes Colaborativos
  OBJETIVO GERAL

Changed:
<
<
Introduzir novas abordagens para o esclarecimento interativo na cria豫o de e-mails como os alunos da 1 fase B do colgio Odete Nunes Dourado, Irec-Ba, orientando-os a comunicar em rede a partir dos temas abordados em sala de aula na matria de Historia, contribuindo assim no desenvolvimento da aprendizagem nas prticas colaborativas. Produzir um blog cooperativo com as produ寤es do grupo; disponibilizar as produ寤es do grupo em rede para socializa豫o e aprecia豫o;
>
>
Introduzir novas abordagens para o esclarecimento interativo na cria豫o de e-mails como os alunos da 1 fase B do colgio Odete Nunes Dourado, Irec-Ba, orientando-os a comunicar em rede a partir dos temas abordados em sala de aula na matria de Historia, contribuindo assim no desenvolvimento da aprendizagem nas prticas colaborativas. Produzir um blog cooperativo com as produ寤es do grupo; disponibilizar as produ寤es do grupo em rede para socializa豫o e aprecia豫o.
  OBJETIVOS ESPECFICOS
Line: 28 to 28
  cria豫o do login e da senha individualmente; Publica豫o de sua interpreta豫o nos e-mails; debate na sala de aula sobre os comentrios de cada colega,
Added:
>
>
cria豫o de lista de discusso;
  Produzir um blog cooperativo

RECURSOS HUMANOS

Line: 36 to 37
  AVALIA플O
Changed:
<
<
Elaborar instrumentos para registrar observa寤es sobre os alunos, criando fichas para o mapeamento dos desenvolvimento e atitudes que mudam questes como: faz perguntas? Usar estratgias criativas ou apenas as convencionais? justifica caminhos percorrido? Comunicar suas respostas com certeza? Contesta pontos que no compreendeu? Participar dos trabalhos em grupo? Ajudar os outros na resolu豫o de problemas?
>
>
Elaborar instrumentos para registrar observa寤es sobre os alunos, criando fichas para o mapeamento dos desenvolvimento e atitudes que mudam questes como: faz perguntas? Usa estratgias criativas ou apenas as convencionais? justifica caminhos percorridos? Comunica suas respostas com clareza? Contesta pontos que no compreendeu? Participa dos trabalhos em grupo? Ajuda os outros na resolu豫o de problemas?
 

Revision 426 Apr 2006 - CecilioSantos

Line: 1 to 1
 
META TOPICPARENT name="GRUPO3"

PLANOS DE A플O

Changed:
<
<
PLANO EM A플O - TECNOLOGIA II
>
>
PLANO EM A플O - TECNOLOGIA II
 
Changed:
<
<
*ORIENTA플O => Antnio Ceclio
>
>
ORIENTA플O => Antnio Ceclio
 
Changed:
<
<
*TEMA Cria豫o de e-mails
>
>
TEMA
 
Changed:
<
<
*OBJETIVO GERAL Introduzir novas abordagens para o esclarecimento interativo na cria豫o de e-mails como os alunos da 1 fase B do colgio Odete Nunes Dourado, Irec-Ba, orientando-os a comunicar em rede a partir dos temas abordados em sala de aula na matria de Historia, contribuindo assim no desenvolvimento da aprendizagem nas prticas colaborativas. Produzir um blog cooperativo com as produ寤es do grupo; disponibilizar as produ寤es do grupo em rede para socializa豫o e aprecia豫o;
>
>
Cria豫o de e-mails
 
Changed:
<
<
*OBJETIVOS ESPECFICOS Nesse contexto, espero que os alunos possam perceber os passos para criar e-mails; saber us-los na sua forma豫o, tendo como suporte as informa寤es comentadas, bem como refletir sobre as problemticas decorrentes das novas abordagens em aula , particularmente nos temas de Histria; emitir suas opinies nos ambientes de aprendizagem, assim como fazer cadastros nos mesmos.Utilizar a Internet como meio de produ豫o colaborativa; Pesquisar temas especficos e / ou espontneos;
>
>
OBJETIVO GERAL
 
Changed:
<
<
*ESTRATGIAS agenda no ponto de cultura para fazer libera豫o do tabuleiro digital;
>
>
Introduzir novas abordagens para o esclarecimento interativo na cria豫o de e-mails como os alunos da 1 fase B do colgio Odete Nunes Dourado, Irec-Ba, orientando-os a comunicar em rede a partir dos temas abordados em sala de aula na matria de Historia, contribuindo assim no desenvolvimento da aprendizagem nas prticas colaborativas. Produzir um blog cooperativo com as produ寤es do grupo; disponibilizar as produ寤es do grupo em rede para socializa豫o e aprecia豫o;

OBJETIVOS ESPECFICOS

Nesse contexto, espero que os alunos possam perceber os passos para criar e-mails; saber us-los na sua forma豫o, tendo como suporte as informa寤es comentadas, bem como refletir sobre as problemticas decorrentes das novas abordagens em aula , particularmente nos temas de Histria; emitir suas opinies nos ambientes de aprendizagem, assim como fazer cadastros nos mesmos.Utilizar a Internet como meio de produ豫o colaborativa; Pesquisar temas especficos e / ou espontneos;

ESTRATGIAS

agenda no ponto de cultura para fazer libera豫o do tabuleiro digital;

  exposi豫o dialogada com os alunos participantes a cerca da cria豫o de e-mail; cria豫o do login e da senha individualmente; Publica豫o de sua interpreta豫o nos e-mails; debate na sala de aula sobre os comentrios de cada colega,
Changed:
<
<
Produzir um blog cooperativo
>
>
Produzir um blog cooperativo

RECURSOS HUMANOS

Professor , alunos , dire豫o, agentes do ponto de cultura, coordena豫o do ponto de cultura, professora Maria Bonila.

 
Changed:
<
<
    • RECURSOS HUMANOS Professor , alunos , dire豫o, agentes do ponto de cultura, coordena豫o do ponto de cultura, professora Maria Bonila.
>
>
AVALIA플O
 
Changed:
<
<
    • AVALIA플O Elaborar instrumentos para registrar observa寤es sobre os alunos, criando fichas para o mapeamento dos desenvolvimento e atitudes que mudam questes como: faz perguntas? Usar estratgias criativas ou apenas as convencionais? justifica caminhos percorrido? Comunicar suas respostas com certeza? Contesta pontos que no compreendeu? Participar dos trabalhos em grupo? Ajudar os outros na resolu豫o de problemas?.
>
>
Elaborar instrumentos para registrar observa寤es sobre os alunos, criando fichas para o mapeamento dos desenvolvimento e atitudes que mudam questes como: faz perguntas? Usar estratgias criativas ou apenas as convencionais? justifica caminhos percorrido? Comunicar suas respostas com certeza? Contesta pontos que no compreendeu? Participar dos trabalhos em grupo? Ajudar os outros na resolu豫o de problemas?
 

Revision 324 Apr 2006 - CecilioSantos

Line: 1 to 1
 
META TOPICPARENT name="GRUPO3"

PLANOS DE A플O

Added:
>
>
PLANO EM A플O - TECNOLOGIA II

*ORIENTA플O => Antnio Ceclio

*TEMA Cria豫o de e-mails

*OBJETIVO GERAL Introduzir novas abordagens para o esclarecimento interativo na cria豫o de e-mails como os alunos da 1 fase B do colgio Odete Nunes Dourado, Irec-Ba, orientando-os a comunicar em rede a partir dos temas abordados em sala de aula na matria de Historia, contribuindo assim no desenvolvimento da aprendizagem nas prticas colaborativas. Produzir um blog cooperativo com as produ寤es do grupo; disponibilizar as produ寤es do grupo em rede para socializa豫o e aprecia豫o;

*OBJETIVOS ESPECFICOS Nesse contexto, espero que os alunos possam perceber os passos para criar e-mails; saber us-los na sua forma豫o, tendo como suporte as informa寤es comentadas, bem como refletir sobre as problemticas decorrentes das novas abordagens em aula , particularmente nos temas de Histria; emitir suas opinies nos ambientes de aprendizagem, assim como fazer cadastros nos mesmos.Utilizar a Internet como meio de produ豫o colaborativa; Pesquisar temas especficos e / ou espontneos;

*ESTRATGIAS agenda no ponto de cultura para fazer libera豫o do tabuleiro digital; exposi豫o dialogada com os alunos participantes a cerca da cria豫o de e-mail; cria豫o do login e da senha individualmente; Publica豫o de sua interpreta豫o nos e-mails; debate na sala de aula sobre os comentrios de cada colega, Produzir um blog cooperativo

    • RECURSOS HUMANOS Professor , alunos , dire豫o, agentes do ponto de cultura, coordena豫o do ponto de cultura, professora Maria Bonila.

    • AVALIA플O Elaborar instrumentos para registrar observa寤es sobre os alunos, criando fichas para o mapeamento dos desenvolvimento e atitudes que mudam questes como: faz perguntas? Usar estratgias criativas ou apenas as convencionais? justifica caminhos percorrido? Comunicar suas respostas com certeza? Contesta pontos que no compreendeu? Participar dos trabalhos em grupo? Ajudar os outros na resolu豫o de problemas?.

Revision 217 Apr 2006 - CecilioSantos

Line: 1 to 1
 
META TOPICPARENT name="GRUPO3"

PLANOS DE A플O

Added:
>
>

Revision 104 Apr 2006 - CecilioSantos

Line: 1 to 1
Added:
>
>
META TOPICPARENT name="GRUPO3"

PLANOS DE A플O

 
This site is powered by the TWiki collaboration platformCopyright &짤 by the contributing authors. All material on this collaboration platform is the property of the contributing authors.
Ideas, requests, problems regarding TWiki? Send feedback