Caracterização sedimentológica e estratigráfica de testemunhos do Membro Boipeba/ Formação Aliança, no campo de Araçás, bacia do Recôncavo, Bahia - Alexandre Portela Santana (2012.1)

Banca: Prof. Dr. Carlson de Matos Maia Leite - IGEO/UFBA e Petrobrás - Orientador, MSc. Flávio Miranda de Oliveira - IGEO/UFBA - Co- Orientador, Geólogo Cícero da Paixão Pereira - ANP/UFBA, MSc. Roberto Rosa da Silva - IGEO/UFBA e Petrobrás.

Resumo: Esta monografia resulta da análise sedimentológica e estratigráfica de uma seção testemunhada correspondente ao Membro Boipeba, Formação Aliança em um poço do Campo de Araçás, Bacia do Recôncavo. O estudo de 124 metros de testemunhos compreendeu a análise das características texturais e genéticas com a finalidade de definir fácies e associação de fácies. Os resultados desse estudo identificam ambientes deposicionais fluviais, eólicos, lacustres e de leques aluviais que contextualizam os ciclos flúvio-eólicolacustres característicos da fase pré-rifte/ proto-rifte da Bacia do Recôncavo. Foram identificadas doze litofácies agrupadas em cinco associações, denominadas: lacustre, flúviolacustre,fluvial efêmero, lençóis de areia eólicos e leques aluviais. O padrão de empilhamento estratigráfico sugere o registro de três ciclos progradantes, nos quais depósitos relacionados a sistemas fluviais, representados por espessos estratos arenosos, progressivamente substituem depósitos com influência lacustre. A presença de conglomerados estaria relacionada a sistemas de leques aluviais que encerram os ciclos
progradacionais.

Palavras-chave: testemunho, ambiente fluvio-eólico-lacustre, ambiente de leques aluviais,Membro Boipeba, Bacia do Recôncavo.

-- IsabelBarros - 16 Aug 2012