Incertezas dos atributos Geológicos em um Modelo Tridimensional de Reservatórios Petrolíferos - Exemplo na Bacia do Recôncavo, Bahia - Carlos Henrique Rabello Balogh (2009.2)

Banca: MSc. Jaciara B. dos Santos - Petrobras - Orientadora, Profª. Drª. Olívia Mª C. de Oliveira - IGEO/UFBA - Co-orientadora, MSc. Michael Strugale - Petrobras, Geólogo Cesar Henrique de Aleixo Rocha - Petrobras

Resumo: Os reservatorios de petroleo possuem incertezas geologicas que influenciam significativamente na recuperacao de oleo e gas. Essas incertezas podem ser reduzidas pela obtencao e integracao de informacoes associadas aos modelos geologicos tridimensionais. Esses modelos sao construidos por um procedimento definido e usado como base para a avaliacao das incertezas. A Geoestatistica proporciona a modelagem numerica da continuidade espacial, atraves das chamadas funcoes "estruturais", tais como o semivariograma, gerando distribuicoes que representam a incerteza nos espacos nao amostrados de atributos petrofisicos (dados de pocos) de reservatorios utilizando dentre muitas tecnicas de analise de incertezas a simulacao probabilistica. A simulacao dos atributos volumetricos de um reservatorio utiliza a simulacao geoestatistica gerando a distribuicao de probabilidade do volume de hidrocarboneto in situ atraves do processo de quantificacao das incertezas relacionadas com as variaveis dos atributos geologicos do reservatorio. As incertezas da modelagem tridimensional estao associadas tanto para os dados diretos quanto indiretos, e que sao inseridos no processo de modelagem. Dessa maneira para que as incertezas sejam minimizadas torna-se necessario, durante o processo de modelagem, o uso nao apenas de ferramentas geoestatisticas, mas tambem a experiencia do geologo durante o tratamento de dados.

Palavras-Chaves: Incertezas, reservatorios petroliferos, modelagem tridimensional, geoestatistica.