Petrografia dos Gnaisses e Migmatitos do Complexo Uauá Região de Euclides da Cunha, Bahia - Danilo de Souza Santos (2011.2)

Banca: Profa. Dra. Débora C. Rios - IGEO/UFBA - Orientadora, Dra. Rita Cunha Leal Menezes de Oliveira - CPRM - Co-Orientadora, Prof. Dr. Manuel Jerônimo Moreira Cruz - IGEO/UFBA, Msc. Paulo César Dávilla Fernandes - IGEO/UFBA

Resumo: Este trabalho visa realizar o estudo petrográfico das rochas gnáissico-migmatíticas do Complexo Uauá que afloram no município de Euclides da Cunha (NE do estado da Bahia) de modo a contribuir para o entendimento da evolução geológica destas litologias com o aporte de novas informações.


As rochas do Complexo Uauá foram anteriormente compartimentadas em duas unidades distintas (Unidade Superior e Unidade Inferior). Os dados previamente obtidos por outros pesquisadores indicam que estas rochas têm quimismo sub-alcalino com tendência calcioalcalina, indicando um ambiente de formação do tipo arco magmático, tendo obtido idades de 3,0 Ga para o metamorfismo, em datações U-Pb em monozircão e idade de cristalização de 3,195 Ga.


As rochas gnáissico-migmatíticas do Complexo Uauá aqui estudadas foram aqui classificadas como metagranodioritos, metagranitos, monzodioritos e tonalitos de acordo com as características microscópicas e feições observadas em campo.

Palavras-chave: Núcleo, Embasamento, Magmatismo, Complexo, Geocronologia.