Petrologia dos lepinitos e leucogranitos no cinturão Salvador-Curaçá, região de Pintadas, Bahia. - Rafael Ribeiro Daltro (2012.2)

Banca: Prof. Dr. Carlson de Matos Maia Leite - IGEO/UFBA-PETROBRAS - Orientador, Profa. Msc. Jailma Santos de Souza - IGEO/UFBA, Dra. Adriana Almeida de Peixoto - IGEO/UFBA

Resumo: O Cinturão Orogênico Salvador-Curaçá, gerado durante a colisão paleoproterozoica dos Blocos Gavião, Jequié, Itabuna-Salvador-Curaçá e Serrinha, abriga uma gama de litotipos, dentre os quais estão os leptinitos e os leucogranitos oriundos do processo de anatexia crustal gerado durante o evento orogênico, que afloram na porção centro-norte do estado da Bahia, próximo ao município de Pintadas. Ambos os litotipos encontram-se reequilibrados e/ou gerados em condições de médio e alto grau de metamorfismo, permitindo o estudo da evolução crustal.
Através da interpretação de dados petográficos e litogeoquímicos, foi possível realizar a caracterização petrográfica dos litotipos estudados, identificando mineralogia, texturas e microestruturas, assim como sugerir a sequência de cristalização dos minerais constituintes dessas rochas, e os mecanismos e processos que ocorreram durante este evento.

Palavras chave: Cinturão Salvador-Curaçá, leptinitos, leucogranitos.
-- IsabelBarros - 06 Jun 2013