Mineralizações de coríndon da região de Mundo Novo - BA: caracterização geológica e petrográfica - Tatiana Silva Ribeiro (2010.1)

Banca: Prof. Dr. José Haroldo da Silva Sá - IGEO/UFBA - Orientador, Profª. Drª. Ângela Beatriz de Menezes Leal - IGEO/ UFBA, Dr. Ernesto Fernando Alves da Silva - CBPM

Resumo: Neste trabalho são descritas e analisadas as características geológicas, petrográficas, mineralógicas e geoquímicas das mineralizações de córindon da região de Mundo Novo. Foram estudadas cinco ocorrências que estão inseridas em terreno arqueano do complexo Mairi, embasamento do greenstone belt de Mundo Novo que, na área pesquisada, apresenta-se estruturado como um antiforme. As ocorrências de córindon estão distribuídas e alinhadas ao longo de aproximadamente 8 km, segundo o azimute N170o, direção que coincide com o eixo daquele antiforme e de alguns falhamentos regionais A zona mineralizada possui forma lenticular sendo constituída essencialmente por clorita, córindon e quantidades menores de sillimanita, cordierira, cianita, biotita, moscovita e rutilo, passando gradacionalmente para rocha encaixante, que é formada basicamente pelos mesmos minerais da zona mineralizada, mas tendo o corindon em quantidade acessória. O coríndon ocorre em cristais de dimensões milimétricas a centimétricas de modo disseminado ou em forma de agregados localmente concentrados. Duas gerações de coríndon foram identificadas, sendo a primeira formada por cristais subidiomórficos, de cor rosa arroxeada e a outra por cristais idiomórficos, de cor verde que, freqüentemente, envolvem os primeiros. Os estudos petrográficos mostram uma intensa alteração hidrotermal, representada pela cloritização que afetou os silicatos aluminosos e também o córindon. Os dados obtidos sobre as características geológicas, petrográficas e geoquímicas das ocorrências estudadas são discutidos e cotejados com os modelos genéticos para os depósitos de córindon. A interpretação dos dados obtidos propõe que as mineralizações de córindon da área estudada foram formadas pelo metamorfismo de médio a alto grau sobre sedimentos bastante aluminosos.