Contribuição ao conhecimento geológico do complexo máfico-ultramáfico de Campo Alegre de Lourdes, Bahia. (enfoque especial a petrogeoquímica dos elementos maiores) - Tiago Almeida Barbosa (2007)

Banca: Prof. Dr. Manoel Jerônimo Moreira Cruz - IGEO/UFBA - Orientador

Resumo: O complexo máfico-ultramáfico de Campo Alegre de Lourdes é um corpo máfico-ultramáfico diferenciado, intrudido em rochas metamórficas de alto grau do Complexo Gnaisses e Migmatitico, situado no extremo noroeste da Bahia. Estudos petrogeoquímico através da aplicação do método CIPW permitiu caracterizar as rochas genericamente denominadas Rochas Gabróicas pelos verdadeiros tipos líticos tais como: Gabros, Granodioritos, Quartzo Monzogranito, sendo que na área as rochas foram denominadas através das análises de campo como gabros, os outros nomes de rochas foram classificadas através da aplicação do método CIPW. O estudo geoquímico dos elementos maiores, sobretudo os elementos Fe, Mg, e Al permitiu caracterizar o magmatismo formado do corpo ígneo como do tipo sub-alcalino, toleítico evoluído em condições intracratônicas. O processo de acumulação magmática por efeitos gravitativos permitiu o desenvolvimento de cumulatos bipartites ricos em Fe, que desenvolveu o minério de rochas ricas em Fe-Ti (V) e por outra parte rico em Al, onde existem rochas com tendências anortosíticas.