Ripe

Bem Vind@ √ WEB RIPE!

Projeto de pesquisa do GEC aprovado no edital 04/2007 - FAPESB

ProduÁ„o colaborativa e descentralizada de imagens e sons para a educaÁ„o bŠsica: criaÁ„o e implantaÁ„o da RIPE - Rede de Interc‚mbio de ProduÁ„o Educativa

Equipe?

Reuniűes?

Di√°rios de Bordo?

O projeto em poucas linhas - resumo para ter uma ideia geral do projeto.

1. a idéia básica: fortalecer escolas, professores e meninada para serem produtores de culturas e conhecimentos.

2. Como? implantando n√ļcleos de produ√ß√£o de v√≠deos e a√ļdio em cada uma das 5 escolas iniciais do projeto, distribuŪ≠das na Bahia pela Regi„o Metropolitina, Rec√? īncavo e Semi-√°rido.

3. Rede de troca de produÁ„o: Adaptar e aperfeiÁoar o RITU (Rede de Interc‚mbio de Televis„o UniversitŠria) desenvolvida pela Universidade da ParaŪ≠ba, para que o mesmo possa se transformar num espaÁo de compartilhamento de produÁűes feitas PELAS escolas, com base no curri≠culo real e n√£o em curr√≠culos idealizados em gabinetes...

4. Cria√? ß√£o do RIPE (Rede de Interc√? Ęmbio de ProduÁ„o Educativa). Ripe vem de hippie, de contracultura, de produÁ„oo e criaÁ„o descentralizada.

5. Por que adaptar? BASICAMENTE porque a conexão das escolas não deve ser sempre lá uma maravilha e não usamos o conceito de GRADE de programação e sim de fluxo de programação.

6. a jogada: produz em qualidade alta, a partir de oficinas de produção, lança no sistema diretamente da escola ou manda o CD para a rede, ao subir o programa em resolução alta produz uma versão em formato reduzido para poder ser visto na web com conexão baixa, tipo a la youtube e similares.

7. tudo com software livre, claro, de cabo a rabo!

8. a UFPb entra com a solu√ß√£o, a gente entra com bolsistas de Computa√? ß√£o para que o "RITU da educa√ß√£o" seja desenvolvido a partir do que j√° foi feito pela UFPb.

9. N√≥s aqui nas escolas, desenvolvemos pesquisa de linguagem e - a partir do curr√≠culo real! - acompanhamos os n√ļcleos de produ√ß√£o de v√≠deo e √°udio, com a instala√ß√£o em paralelo de R√°dio Web em cada uma das escolas, com programa√ßao gerada localmente.

10. no futuro, a idéia é termos uma tv da educação, feita diretamente por professores e alunos do sistema publico de educação, da Bahia inteira, pra começar.depois o brasil e...

Resumo do projeto - aprovado pela FAPESB

O projeto articula a√ß√Ķes das Universidades Federal da Bahia e da Para√? ≠ba, com o sistema educacional e os Pontos de Cultura (Min C) dos munic√≠pios de Salvador, S√£o Felix, Vera Cruz e Irec√™? , e busca desenvolver e implantar um sistema e um processo de produ√ß√£o e circula√ß√£o colaborativa de produtos multim√≠dia a servi√ßo do sistema educacional.

O que se pretende, √© a integra√ß√£o total das diversas m√≠dias e suportes, com o objetivo de transformar cada escola, cada professor e cada aluno, individualmente e no coletivo, em produtores de culturas e conhecimentos e n√£o meros consumidores de informa√ß√Ķes. Busca-se, assim, intensificar o papel protagonista dos jovens e dos professores, construindo novas possibilidades para os sistemas educacionais que, articulando os conhecimentos e saberes emergentes das popula√ß√Ķes locais, promovem, atrav√©s de um intenso e qualificado trabalho dos professores, a articula√ß√£o com o conhecimento j√° estabelecido pela ci√™ncia contempor√Ęnea e com as culturas.

A pesquisa desenvolve-se em tr√™s frentes interdependentes. Na primeira frente o que se busca √© desenvolver pesquisa e desenvolvimento no campo da ci√™ncia da computa√ß√£o com o desenvolvimento e aperfei√ßoamento do sistema de circula√ß√£o de produ√ß√£o multim√≠dia a partir o projeto RITU (rede de Interc√? Ęmbio de Televis√? £o Universit√? °ria), em desenvolvimento pela LAVID/UFPB, culminando com a cria√ß√£o - e implanta√ß√£o experimental - do sistema RIPE - Rede de Interc√? Ęmbio de Produ√? ß√£o Educativa, uma plataforma em software livre para a montagem de uma rede que possibilite o interc√Ęmbio e troca de produ√ß√Ķes realizadas pelos alunos e professores da rede de escola do sistema educacional b√°sico da Bahia. Os desafios postos nessa etapa s√£o de diversas natureza mas o que mais destacamos no momento e que seguramente mais demandar√° pesquisa √© o como poder desenvolver esse sistema para funcionar ainda com a prec√°ria condi√ß√£o de conectividade das escolas p√ļblicas. A segunda frente de pesquisa concentra-se sobre as linguagens audiovisuais, incluindo trabalho com √°udio, imagem e modelagem computacional, com a realiza√ß√£o de oficinas nas escolas do projeto para a produ√ß√£o de produtos multimidi√°ticos a partir do curr√≠culo real das escolas. Aqui, os desafios postos s√£o a identifica√ß√£o em conjunto com as comunidades envolvidas das tem√°ticas a serem trabalhadas e o desenvolvimento de novas possibilidades de experimenta√ß√£o no sentido de implementar processos de produ√ß√£o a partir das pesquisas te√≥ricas sobre os temas tratados nessa frente. A terceira frente busca investigar e desenvolver uma metodologia para o trabalho coletivo com as escolas, com a sistematiza√ß√£o da proposta visando a implanta√ß√£o de uma web tv com programa√ß√£o oriunda das escolas e montagem de um acervo para uso na educa√ß√£o.

Valor aprovado

152.300,00

Bolsas R$

Custeio R$

Material Permanente R$

O Projeto

clique aqui para obter o projeto em pdf

Ripe Web Utilities